Seul deteta sinais de preparativos para novo lançamento de míssil norte-coreano

O Governo sul-coreano não avançou com mais informação sobre quando o míssil poderá ser lançado ou para onde.

O Ministério da Defesa declarou esta segunda-feira que os sinais de que a Coreia do Norte “prepara um novo lançamento de míssil balístico têm sido constantemente detetados desde o teste de domingo”. A Coreia do Norte testou no domingo a sua bomba nuclear mais potente até à data, um artefacto termonuclear que segundo o regime de Pyongyang pode ser instalado num míssil intercontinental.

Segundo informa a Lusa, os responsáveis do Ministério da Defesa sul-coreano estimaram no parlamento o sexto teste nuclear realizado pela Coreia do Norte em 50 mil toneladas de potência. A confirmar-se, esta quantidade de energia significa que o teste foi cinco vezes mais potente do que o quinto ensaio nuclear realizado pela Coreia do Norte, em setembro de 2016, e mais de três vezes superior ao da bomba que destruiu Hiroshima em 1945.

O Governo sul-coreano não adiantou mais informação sobre quando o míssil poderá ser lançado ou para onde.

Relacionadas

Sanções: China não exclui embargo ao petróleo fornecido à Coreia do Norte

A ameaça é feita depois de um teste nuclear ter sido realizado com “total sucesso” no país comunista, no passado domingo, aumentando as tensões entre a comunidade internacional.

EUA vão atacar a Coreia do Norte? “Veremos”, responde Trump

O clima está cada vez mais tenso entre Donald Trump e Kim Jong-un. Os dois países trocaram ameaças este domingo, com o presidente norte-americano a deixar a porta aberta a um conflito armado.

Coreia do Norte ameaça EUA com “derradeiro desastre” em caso de provocação

Esta madrugada, a Coreia do Norte garantiu ter testado, com sucesso, uma bomba de hidrogénio desenvolvida para ser instalada num míssil balístico intercontinental. Vários líderes mundiais condenaram as ações de Pyongyang, incluindo o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Coreia do Norte: Merkel e Macron querem “endurecimento” das sanções. Trump diz que país é uma “nação nociva”

Os dois líderes falaram ao telefone e concordaram que “a última provocação lançada pelo dirigente de Pyongyang atingiu uma nova dimensão”. Também Donald Trump já reagiu no Twitter ao teste nuclear.

As 14 coisas (essenciais) a saber sobre a Coreia do Norte

Há um corte de cabelo aprovado pelo Governo e o líder é um deus. Um país isolado do mundo com regras e costumes diferentes que se tem destacado pelas crescentes tensões com os EUA.

Coreia do Norte diz ter testado com sucesso lançamento de bomba de hidrogénio

Este é o sexto teste nuclear da Coreia do Norte, e o primeiro desde que Donald Trump é presidente dos Estados Unidos. A “Bomba H” é mais destrutiva do que as bombas atómicas usadas em Hiroshima e Nagasaki, que mataram mais de 200 mil pessoa.
Recomendadas

Canadá promete retaliar contra novas tarifas norte-americanas

Se os Estados Unidos voltarem a impor tarifas aos produtos canadianos com base no alumínio, como fizeram em 2018, o Canadá responderá aplicando tarifas retaliatórias.

Facebook remove rede pró-Trump baseada na Roménia

O Facebook revelou que removeu recentemente uma pequena rede de contas a operar a partir da Roménia que promovia a campanha de reeleição do presidente Donald Trump.

Estado de Nova Iorque vai processar associação que promove as armas pessoais

A poderosa NRA, National Rifle Association, vai ser processada por corrupção e desvio de fundos para interesses pessoais. Donald Trump já veio defender a organização, que teve em Barack Obama um dos seus maiores inimigos.
Comentários