Sistema estatístico de Cabo Verde vai ser avaliado

A primeira avaliação do sistema estatístico cabo-verdiano, por parte dos pares africanos, será no final deste mês de janeiro.

No final deste mês de janeiro, Cabo Verde terá a primeira avaliação do seu sistema estatístico nacional por parte dos pares africanos, anunciou esta quinta-feira o presidente do conselho de administração do Instituto Nacional de Estatística (INE) local.

Segundo Osvaldo Borges, Cabo Verde nunca foi submetido à avaliação externa, isto apesar de o país ter já sido avaliador de vários países. Por isso mesmo, no ano passado, Cabo Verde solicitou que também fosse avaliado.

“Já fomos avaliadores de vários países e nós achamos também que é altura de também sermos avaliados no sentido de vermos o que esta mal, o que pode ser melhorado e planificado para os próximos anos”, disse o responsável do INE.

Essa avaliação de pares africanos consistirá na avaliação de todo o sistema estatístico nacional, com foco na legislação, qualidade dos dados produzidos, na metodologia para a comparabilidade internacional, a difusão e a relação com os principais utilizadores.

Durante a missão, os avaliadores vão realizar várias visitas aos vários órgãos de produção, parceiros técnicos e financeiros do INE e aos principais utilizadores como as universidades, os órgãos da comunicação social entre outros no sentido de obterem as informações para a avaliação.

Recomendadas

BIC Cabo Verde tem apenas 12 trabalhadores e lucrou 5,2 milhões de euros em 2018

O banco BIC Cabo Verde (BIC-CV), participado pela empresária angolana Isabel dos Santos e que está a ser inspecionado pelo banco central cabo-verdiano, apresentou lucros de mais de cinco milhões de euros em 2018, tendo apenas 12 trabalhadores.

Ministro das Finanças de Cabo Verde garante que fundo soberano estará operacional em 2020

O processo de montagem do fundo soberano de 90 milhões de euros está em curso e o mesmo deve estar operacional ainda este ano, garantiu o vice-primeiro-ministro e ministro das Finanças cabo-verdiano.

Cabo Verde e Estados Unidos vão alargar cooperação bilateral na Defesa

O ministro cabov-verdiano Luís Filipe Tavares explicou que o leque de cooperação entre os dois países é “muito vasto”, avançado que Cabo Verde vai passar a ter mais três navios apropriados para a vigilância costeira.
Comentários