Taxa do crédito habitação desce para os 0,862% na Madeira

O capital em dívida fixou-se em setembro nos 57.792 euros, uma descida face aos 57.809 euros do mês anterior.

A taxa de juro do crédito habitação, em setembro, fixou-se em 0,862%, uma descida de 0,012%, face ao mês anterior. No período homólogo a taxa era de 1,017%, de acordo com os dados da Direção Regional de Estatística (DREM).

Em setembro o capital em dívida ficou nos 57.792 euros, uma descida face aos 57.809 euros do mês anterior, e uma quebra em comparação com os 57.934 euros atingidos no mesmo período do ano passado.

A prestação total passou de 231 para os 229 euros, entre agosto e setembro, e caiu face aos 271 euros atingidos no período homólogo.

O capital amortizado caiu dos 189 para os 188 euros, e quebrou face aos 222 euros do período homólogo.

Os juros totais passaram de 42 para 41 euros, entre agosto e setembro, e desceram face aos 49 euros do período homólogo.

A DREM sublinha que as moratórias têm reflexo na descida da prestação paga “em resultado da suspensão do pagamento dos juros, do capital amortizado ou de ambos, facto que é evidente quando se estabelecem comparações homólogas”.

Ler mais
Recomendadas

Sara Cerdas eleita eurodeputada do ano na categoria de saúde

A eurodeputada comprometeu-se a continuar a trabalhar “para tornar a saúde uma prioridade europeia e lutar por uma verdadeira União Europeia da saúde, que não deixe ninguém para trás”.

Açores registam 18 positivos e 71 recuperações de covid-19

Os Açores têm 367 casos positivos ativos, sendo 241 em S. Miguel, 120 na Ilha Terceira, dois no Pico, dois no Faial e dois nas Flores.

Madeira espera reanimação do turismo em dezembro

A Madeira tem 70 mil lugares em aviões para dezembro, disse presidente do Governo da Madeira. Miguel Albuquerque considera que o regresso dos estudantes e dos emigrantes, é um dos “períodos mais difíceis” para o controlo da pandemia, e apela a que se cumpra com as normas sanitárias.
Comentários