Turismo da Madeira continua a crescer nas dormidas em maio

Em maio existiram 366,4 mil dormidas, na Madeira, enquanto que no mês anterior tinham sido 206,9 mil.

O turismo da Madeira continua na rota do crescimento. Somou 366,4 mil dormidas, em junho, uma melhoria face às 206,9 mil dormidas, registadas em maio, de acordo com os dados da Direção Regional de Estatística (DREM).

As dormidas obtidas em junho representam um crescimento de 1.749,2%, face ao período homólogo.

Em junho entraram na região 71,6 mil hóspedes, mais 1.027,5% face ao ano anterior.

Os dados da DREM referem que se a comparação for feita com junho de 2019, a região apresenta uma quebra de 52,4% nas dormidas e uma descida de 46% nos hóspedes entrados.

A DREM refere que as dormidas de residentes em Portugal tiveram um crescimento de 693,6%, face ao ano anterior, para as 141,1 mil, o que representa 38,5% do total.

As dormidas de residentes no estrangeiro aumentaram 10.997%, para 225,3 mil.

Comparado com junho de 2019 verificou-se uma subida de 21,1% nas dormidas de residente em Portugal, para as 35,6 mil e uma quebra de 65,5% nos residentes no estrangeiro, para as 35,9 mil.

Em junho o mercado do Reino Unido teve 44,4 mil dormidas, Alemanha (35 mil), França (25,3 mil).

A DREM diz ainda que 42% dos estabelecimentos de alojamento turístico terão estado encerrados ou não registaram movimento de hóspedes.

Relacionadas

Eduardo Jesus: Madeira com boas taxas de ocupação e indicadores “muitíssimo positivos” para este verão

Eduardo Jesus realçou que a Madeira teve desde o início da pandemia a preocupação de encontrar na pandemia uma oportunidade de afirmação do destino, que passou por estabilizar a confiança dos viajantes.

Reino Unido deixa de exigir quarentena a pessoas vacinadas da UE e dos EUA

A eliminação da quarentena, porém, não implica também a realização de novos testes de despistagem à covid-19, refere a BBC.

Dormidas de residentes aumentam mas longe dos dados pré-pandemia

“No primeiro semestre do ano, verificou-se uma diminuição de 21,3% das dormidas totais, resultantes de variações de +23,7% nos residentes e de -50,8% nos não residentes”, avança o INE. “Comparando com o mesmo período de 2019, as dormidas registaram uma diminuição de 73,4% (42,3% nos residentes e -85,9% nos não residentes)”, adianta.
Recomendadas

Madeira tem mais 14 casos positivos e dez recuperados de Covid-19

Dos novos casos positivos há um caso importado e com proveniência do Reino Unido, e 13 foram de transmissão local.

Hoje é o Dia Mundial do Turismo. Desenvolvimento sustentável do sector é objetivo em 2021

Para o consumidor a comemoração deste Dia é, também, importante. Todo o cidadão tem direito ao descanso e lazer. Gozar relaxada e seguramente as férias ou o tempo de lazer é o desejo de todos os consumidores que, nesse sentido, devem zelar pelo cumprimento dos seus direitos.

Madeira: Rita Andrade volta ao Executivo regional para assumir pasta da Inclusão Social e Cidadania

Rita Andrade tinha deixado o Executivo regional depois das últimas eleições regionais e estava neste momento a presidir o Instituto de Administração da Saúde.
Comentários