Turismo na Madeira já perdeu 14,2 milhões de euros

As estimativas da DREM apontam ainda para descidas nas dormidas, bem como nos proveitos de aposento do alojamento turístico, que representam 2,6% e 2,8% respetivamente.

O setor do Turismo na Madeira já perdeu até setembro deste ano 14,2 milhões de euros. Em termos acumulados, os proveitos totais até ao mês de setembro de 2019 foram de 322 milhões de euros, quando no ano passado pela mesma altura chegavam aos 336 milhões. Uma quebra que representa uma variação homóloga de menos 4,2% nos proveitos totais.

Os dados da Direção Regional de Estatística da Madeira (DREM) mostram também que os proveitos totais só relativos ao mês de setembro representaram uma quebra de 3,7% face ao período homólogo. Nesse mês  os proveitos totais foram de 41,2 milhões de euros, menos 1,5 milhões do que em setembro de 2018.

As estimativas da DREM apontam ainda para descidas nas dormidas, bem como nos proveitos de aposento do alojamento turístico, que representam 2,6% e 2,8% respetivamente.

Recomendadas

Madeira assina acordos de 716 mil euros com estabelecimentos de ensino

O executivo madeirense aprovou três adendas de 139 mil euros, 136 mil euros, e 439 mil euros, com estabelecimentos de ensino.

Madeira mantém dois casos ativos e alerta para “desconfinamento inseguro” no país

Pedro Ramos destacou a operação de rastreio de viajantes nos aeroportos da Madeira e Porto Santo, em vigor desde o dia 01 de julho, na sequência de uma resolução do executivo, de coligação PSD/CDS-PP, que substituiu o regime de quarentena pela obrigatoriedade de os passageiros apresentarem um teste negativo realizado até 72 horas antes do início da viagem, ou, então, a efetuá-lo à chegada.

Hospital dos Marmeleiros beneficia de empreitada de reabilitação de interiores

A obra tem um custo de 1,4 milhões de euros, tem um prazo de 20 meses, e está a cargo da RIM – Engenharia e Construções.
Comentários