Vai comprar brinquedos com Wifi ou Bluetooth? São uma ameaça para as crianças, alerta perito

Os especialistas indicam que este tipo de brinquedos apresentam “falhas de segurança comprovadas” e “vulnerabilidades” que podem permitir que estranhos falem com as crianças.

As associações especializadas em defesa dos direitos dos consumidores estão a apelar à redução da produção de brinquedos infantis que se conectem com redes sem fios, como o Wifi e o Bluetooth. Os especialistas indicam que este tipo de brinquedos apresentam “falhas de segurança comprovadas” e “vulnerabilidades” que podem permitir que estranhos falem com as crianças.

“Os brinquedos conectados estão a tornar-se cada vez mais populares, mas, de acordo com estudos realizados, qualquer pessoa que esteja a pensar comprar um desses brinquedos deve ter alguma cautela”, afirmou Alex Neill, diretor de gestão dos produtos e serviços domésticos.

Testes feitos pela equipa de Alex Neill, em colaboração com a organização de consumidores alemã Stiftung Warentest, mostram que vários brinquedos conectados são facilmente pirateados por hackers informáticos, pondo em causa a segurança das crianças.

Para despertar as atenções para dos pais para o caso, os investigadores publicaram um vídeo, onde mostram como é fácil um hackers ter acesso ao controlo de voz desses brinquedos.

“Os brinquedos conectados, que se acredita que venham a ser bastante populares durante a Black Friday e na época do Natal, queremos garantir que os brinquedos são completamente protegidos ou retirados totalmente”, defende Alex Neill.

Recomendadas
Mais de 90% dos consumidores já comprou online, revela estudo
O Portal da Queixa revela que a grande maioria dos portugueses já adquiriu algum produto ou serviço pela internet. Mas o aumento das compras online tem o reverso da medalha: um aumento significativo do número de reclamações. Em apenas seis meses , foram registadas 4 mil reclamações pela a maior rede social de consumidores em Portugal.
Saiba como fazer um check-up gratuito aos seus eletrodomésticos
Serviço ‘Funciona’ é a nova disponibilidade para os clientes EDP Comercial sem custos adicionais e permite identificar o potencial de poupança dos principais equipamentos domésticos, bem como apresentar as soluções mais eficientes que permitem reduzir a fatura de energia.
Um em cada dois pagamentos na Europa já são ‘contactless’
Em Portugal, o número de transações ‘contactless’ duplicou de 2017 para 2018, o que demonstra a adesão dos consumidores às novas tecnologias, consideradas mais seguras e convenientes.
Comentários