PremiumVilamoura quer ‘dar cartas’ como destino mundial de póquer

Após anos de incerteza, o Algarve está de novo no radar das grandes organizações de torneios internacionais de póquer.

Portugal está a reerguer-se enquanto destino único para a organização de eventos de impacto mundial de póquer. No início deste mês, o Casino Vilamoura recebeu o WPTDeepStacks Portugal, uma etapa daquele que é considerado um dos maiores circuitos de póquer do mundo, o World Poker Tour, e que conta com a presença de alguns dos melhores jogadores do mundo. Joel Pais, administrador da Solverde, que detém a concessão de jogo dos três casinos do Algarve (entre outros), explicou ao Jornal Económico que Portugal sofreu uma espécie de ‘travessia no deserto’ no que diz respeito à visibilidade para os organizadores dos maiores torneios a nível mundial.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

NBA lança-se no mundo das apostas com o serviço NBABet Stream

Com a legalização das apostas desportivas nos EUA em 2018, a NBA torna-se a primeira grande liga desportiva dos EUA a atacar o mercado.

Siza Vieira sobre a possibilidade de adeptos nos estádios: “É mais importante que os jogos se realizem em segurança”

“É mais importante garantirmos a segurança de que as atividades se realizem sem percalços e com limitações do que permitir flexibilidade e depois ter de voltar atrás”, realçou o ministro à margem da conferência sobre o ‘Futebol Profissional e Economia Pós Covid-19’ que decorreu em Oeiras.

Futebol português contribuiu com 549 milhões para o PIB antes da pandemia

Números fazem parte da nova edição ‘Anuário do Futebol Profissional Português’, realizado em parceria entre a Liga Portugal e a EY e cuja apresentação acontece esta quarta-feira na conferência sobre o ‘Futebol Profissional e Economia Pós Covid-19’.
Comentários