Volkswagen e três parceiros locais investem 15 mil milhões no mercado elétrico chinês

A conhecida marca alemã pretende solidificar a sua posição no setor com maior futuro no maior mercado automóvel do mundo.

A Volkswagen, juntamente com três dos seus consórcios chineses, irá investir 15 mil milhões de euros no mercado de carros elétricos chinês, o maior do mundo. A informação avançada pela agência “Reuters” esta segunda-feira, 28 de setembro, aponta para 2024 como a data de conclusão do investimento.

A estratégia passa pelo fabrico de 15 tipos de baterias e veículos híbridos em território chinês. Os consórcios envolvidos são a FAW Group, o principal e mais antigo fabricante de automóveis chinês, bem como a SAIC Motor e a JAC, outros dois fabricantes do gigante asiático.

A produção nas fábricas destes parceiros do grupo alemão deverá arrancar já no mês de outubro.

Recomendadas

Alphabet com lucros de 11,25 mil milhões de dólares num terceiro trimestre em que receitas voltaram a crescer

Vindos do primeiro trimestre com uma diminuição de receitas na história da companhia, a empresa-mãe da Google volta agora em força, em parte empurrada pelas verbas associadas à publicidade.

Facebook aumenta lucro no terceiro trimestre impulsionado pela publicidade

A rede social também revela que conseguiu diminuir para metade as despesas relacionadas com “geral e administração”, em grande parte devido ao encerramento de escritórios um pouco por todo o mundo, acompanhando a tendência do teletrabalho.

Amazon com lucros 6,3 mil milhões de dólares, acima das previsões dos analistas

A empresa do homem mais rico do mundo conseguiu lucros e receitas acima das projeções dos analistas, sendo que, para o último trimestre do ano, a empresa antecipa resultados ainda mais fortes, naquela que é uma das maiores ganhadoras na pandemia.
Comentários