Wall Street cai à espera do discurso do presidente da Fed

As preocupações quanto a evolução dos juros das obrigações do Tesouro  mantêm-se na ordem do dia, mas ainda esta quinta-feira, aguarda-se com expectativa o discurso do presidente da Fed, Jerome Powell.

A cerca de uma hora de negociação a NYSE tem os três índices em queda. O Dow Jones recua 0,28% e está nos 31.182,03 pontos. O S&P 500 perde 0,25% para 3.810,4 pontos e o Nasdaq tomba 1,36% para 12.820,6 pontos. Isto depois de uma abertura em ligeira alta.

Os pedidos de subsídio de desemprego nos Estados Unidos, relativos à semana passada, dão boas indicações à economia, ao se terem fixado nos 745 mil, ligeiramente abaixo das expectativas do mercado, que apontavam para 750 mil, ao mesmo tempo que houve uma descida nos pedidos acumulados.

As preocupações quanto a evolução dos juros das obrigações do Tesouro  mantêm-se na ordem do dia, mas ainda esta quinta-feira, aguarda-se com expectativa o discurso do presidente da Fed, Jerome Powell, que participará num webinar organizado pelo The Wall Street Journal.

Powell deve aproveitar este evento para acalmar as preocupações em relação às taxas de juro das obrigações do tesouro, que continuam a aumentar.

Os preços do petróleo sobem antes de uma reunião da OPEP. O crude West Texas galopa 1,57% para 62,24 dólares, ao passo que o Brent avança 1,78% para 65,21 dólares. Os membros da OPEP+ podem aliviar os cortes na produção.

O euro cai 0,31% para 1,2025 dólares.

 

Ler mais

Recomendadas

PSI 20 acompanha Europa em alta. Galp e grupo EDP puxam pela praça portuguesa

Entre as principais congéneres europeias, o alemão DAX sobe 0,13%, o britânico FTSE cresce 0,39%, o francês CAC 40 avança 0,47% e o espanhol IBEX soma 0,94%.

Lucro da Galp terá disparado 62% no primeiro trimestre com subida do preço do petróleo

A subida para 47 milhões de euros terá sido impulsionada pela unidade exploração e produção de petróleo e gás natural, que segundo o consenso das estimativas de 23 analistas divulgado pela empresa terá registado um aumento homólogo de 46,5% no EBITDA – resultado antes de juros, impostos, depreciação e amortização – para 419 milhões de euros.

Tesla e Johnson & Johnson a contrariam tendência numa Wall Street vermelha

No fecho da sessão, o S&P 500 desceu 0,72%, para 4.133,50 pontos, o tecnológico Nasdaq desvalorizou 0,92% para 13.786,27 pontos, e o industrial Dow Jones depreciou 0,75%, para 33.821,30 pontos.
Comentários