Wall Street encerra apenas com Nasdaq a valorizar 0,06%

Ao contrário do momento de abertura da sessão, a Moderna, cotada no Nasdaq, terminou o dia a perder 1,93% para 346,77 dólares.

A bolsa de Nova Iorque encerrou sessão em terreno misto, apenas com o Nasdaq a valorizar, que anteriormente tinha sido impulsionado pelo aumento de preços da farmacêutica Moderna.

O industrial Dow Jones encerrou sessão a cair 0,28% para 34.838,16 pontos, o S&P 500 recuou 0,19% para 4.387,10 pontos e o tecnológico Nasdaq somou 0,06% para 14.681,10 pontos.

Ao contrário do momento de abertura da sessão, a Moderna, cotada no Nasdaq, terminou o dia a perder 1,93% para 346,77 dólares. As notícias sobre o aumento de preços fez com que a Moderna começasse o dia a registar ganhos. No entanto, a farmacêutica não conseguiu manter os valores e os investidores aparentemente perderam o interesse.

A Amazon avança 0,15% para 3.332,73, continuando em terreno positivo, mas a reduzir 0,01% face ao começo do dia em Wall Street. Na semana passada a empresa apresentou um resultado líquido de 7,78 mil milhões de dólares, o que correspondeu a um lucro por ação de 15,12 dólares.

No Dow Jones, a Pfizer sobe 2,66% para 43,95 dólares e a Johnson&Johnson cresceu 0,04% para 172,27 dólares.

Recomendadas

Wall Street encerra semana no ‘vermelho’ em anticipação à reunião da Fed

Em relação ao preço do barril de petróleo, em Nova Iorque, o WTI diminui 0,74% para os 72.02 dólares por barril, enquanto o Brent desvaloriza 0,38% para os 75.38 dólares em Londres.

PremiumBancos centrais e dados económicos levam a queda das ações

Investidores mostram-se cautelosos face ao impacto e evolução da pandemia, assim como com as indicações dos bancos centrais.

CMVM renova suspensão da negociação das ações da Orey Antunes

As ações da Orey Antunes vão continuar suspensas porque a empresa em PER não apresentou as contas dentro dos prazos legais.
Comentários