Wall Street encerra sessão com principais índices a vermelho

Apesar dos principais índices terem encerrado todos a vermelho, o Nasdaq foi o único que registou uma melhoria face ao momento da abertura da sessão. Para a queda do Nasdaq contribuiu a desvalorização do Facebook e da Tesla.

A bolsa de Nova Iorque encerrou a sessão desta segunda-feira, 17 de maio, com os principais índices em queda.

Depois de ter iniciado a sessão igualmente a vermelho, os índices terminaram o dia em terreno negativo. O Dow Jones recuou 0,16% para os 34.327,79 pontos, o Nasdaq desceu 0,38% até aos 13.379,05 pontos, enquanto que o S&P 500 caiu 0,24% até aos 4.163,66 pontos.

Apesar dos principais índices terem encerrado todos a vermelho, o Nasdaq foi o único que registou uma melhoria face ao momento da abertura da sessão onde caía 0,06% para os 34.360,56 pontos.

Para a queda do Nasdaq contribuiu a descida da Microsoft Corporation de 1,20% para 245,17 dólares. Uma redução que acontece depois de ter sido divulgada a informação de que a empresa estava a investigar Bill Gates por um envolvimento amoroso com uma funcionária da Microsoft.

Quem acompanhou esta queda foi a tesla que perdeu 2,18% para 576,86 dólares. O Facebook desvalorizou 0,30% para 315,00 dólares ao contrário do Twitter que terminou o dia a somar 1,70% para 52,61 dólares. A valorização do Twitter decorreu horas depois da empresa ter anunciado que prepara-se para lançar um serviço pago com funcionalidades exclusivas.

Quanto ao Dow Jones, apesar de ter terminado a sessão a vermelho a redução não foi impulsionada pelas farmacêuticas com vacinas contra a Covid-19. A Pfizer terminou a subir 0,25% para 40,12 dólares e a Johnson & Johnson avança 0,14% para 170,45 dólares.

 

Recomendadas

Bitcoin volta a cair e vale menos 46% do que o recorde de abril

Alguns analistas apontam para o facto de as autoridades norte-americanas terem conseguido recuperar grande parte do resgate pago pela Colonial Pipeline, em bitcoin, ao Dark Side, o grupo de piratas informáticos que atacou o software que gere o oleoduto da empresa, segundo a “Bloomberg”.

PremiumBolsas europeias renovaram máximos históricos

A última quinzena de maio e o início de junho trouxeram renovação de máximos na Europa, mas em Wall Street já se começa a ver a lateralização.

Wall Street fecha semana no ‘verde’ com recorde do S&P 500

As tecnológicas destacaram-se nesta sessão. Já a Tesla deslizou 0,07% para 609,71 dólares pouco depois de ter revelado o seu novo modelo S Plaid, uma versão de ponta do sedan desportivo.
Comentários