“A Caminho da Casa Branca”: Do primeiro debate à agenda extremista. JE analisa corrida presidencial

A corrida presidencial nos EUA está ao rubro e a partir desta sexta-feira, 2 de outubro, o “Jornal Económico”, através do jornalista António Freitas de Sousa, vai analisar todas as incidências de uma eleição que se prevê muito disputada e numa semana marcada pelo primeiro debate entre Donald Trump e Joe Biden.

O republicano Donald Trump ou o democrata Joe Biden: quem está melhor posicionado para chegar à presidência dos EUA?

A corrida presidencial nos EUA está ao rubro e a partir desta sexta-feira, 2 de outubro, o “Jornal Económico”, através do jornalista António Freitas de Sousa, vai analisar todas as incidências de uma eleição que se prevê muito disputada.

A semana foi marcada pelo primeiro debate presidencial entre os dois candidatos, numa contenda em que parece que nem republicanos nem democratas parecem ter saído a ganhar.

Relacionadas

“A Caminho da Casa Branca”. JE analisa corrida presidencial nos EUA a partir de 2 de outubro

A corrida presidencial nos EUA está ao rubro e a partir de 2 de outubro, o “Jornal Económico”, através do jornalista António Freitas de Sousa, vai analisar todas as incidências de uma eleição que se prevê muito disputada.
Recomendadas

Trump promete continuar luta para afastar Biden da Casa Branca apesar de já ter reconhecido derrota

Donald Trump mantém a sua versão de que ocorreu fraude eleitoral, apesar de não apresentar qualquer facto ou provas que comprovem a sua afirmação.

Trump diz que sai da Casa Branca se vitória de Biden for confirmada oficialmente

Esta semana, a Administração de Serviços Gerais dos Estados Unidos apurou que Joe Biden é o “aparente vencedor” das eleições presidenciais, ‘abrindo caminho’ para a transição formal que estava a ser bloqueada pela administração Trump.

Eleições EUA: Agência norte-americana certifica vitória de Biden e Trump dá instruções para iniciar transição

O ainda Presidente dos Estados Unidos, o republicano Donald Trump, “recomendou” à sua equipa e à Administração dos Serviços Gerais do país que iniciassem os protocolos para a transição da atual administração para a de Joe Biden, com o presidente-eleito a conseguir aceder a fundos federais.
Comentários