Agricultores já podem efetuar candidaturas para apoios do PRODERAM

As candidaturas terminam a 3 de junho e são para investimentos de pequena duração e para arranque da atividade para jovens agricultores.

Já está aberto o período de candidaturas para apoios do PRODERAM. O final do prazo ocorre a 3 de julho. O apoio é para investimentos de pequena dimensão e ajuda ao arranque da atividade para jovens agricultores.

As candidaturas podem ser efectuadas em https://proderam2020.madeira.gov.pt/ e depois entregues na Autoridade de Gestão do PRODERAM 2020, na Rua do Aljube n.º 49, no Funchal, até às 16:30 do dia 03 de julho.

Os investimentos de pequena dimensão têm de ter um custo total igual ou superior a 750 euros ou inferior a 10.000 euros. Este apoio tem uma taxa de subsídio de 75%.

É ainda salientado que devido aos efeitos provocados pelo coronavírus covid-19 o executivo madeirenses decidiu determinou o adiamento contra facturas nas candidaturas para apoio a investimentos de pequena dimensão.

“O adiantamento contra fatura constitui o pagamento de apoios a despesas elegíveis faturadas e não pagas, em alternativa ao adiantamento com garantia, constituindo assim uma mais valia na liquidez das explorações e dos promotores destas candidaturas.  Esta modalidade deve ser expressamente manifestada pelo beneficiário junto do Organismo Pagador, o IFAP”, refere a Secretaria Regional da Agricultura e Desenvolvimento Rural.

Já o apoio que é concedido para arranque de atividade tem por objetivo atribuir um prémio aos jovens agricultores que assumem pela primeira vez a gestão de uma exploração agrícola.

[frames-chart src=”https://s.frames.news/cards/fundos-comunitarios/?locale=pt-PT&static” width=”300px” id=”619″ slug=”fundos-comunitarios” thumbnail-url=”https://s.frames.news/cards/fundos-comunitarios/thumbnail?version=1573121956270&locale=pt-PT&publisher=www.jornaleconomico.sapo.pt” mce-placeholder=”1″]

Ler mais
Recomendadas

Presidente da Assembleia da Madeira destaca capacidade da UMa em afirmar valores no território nacional e internacional

O presidente da Assembleia Regional sublinhou que a Universidade da Madeira (UMa) faz parte da nossa identidade insular, mas que nos projeta em Portugal e no mundo”. José Manuel Rodrigues considerou que a UMa reúne todas as condições para “continuar a crescer e a desenvolver-se”, acrescentando que “sendo uma universidade que está envolvida na comunidade regional, não pode perder o caráter universalista que devem ter todas as universidades”.

Madeira: PS pede a Rui Barreto e CDS-PP esclarecimentos sobre alegado financiamento ilegal

Os socialistas madeirenses consideram que os factos denunciados num trabalho da SIC são “graves e colocam em causa a ética e a transparência” exigidas a responsáveis políticos. O PS Madeira reforçam que é preciso um esclarecimento “imediato, cabal e rigoroso sobre o relacionamento entre o principal financiador do Chega e o líder do CDS-PP Madeira”.

Presidente da Assembleia da Madeira apela a partidos para “não inquinarem trabalhos parlamentares” por causa das autárquicas

O presidente da Assembleia da Madeira afirmou que “a Assembleia Legislativa é o primeiro órgão de Governo próprio. Existe para discutir as grandes questões regionais e não para discutir questões municipais ou para fazer campanha eleitoral”.
Comentários