Atenção: preço da gasolina vai aumentar

Na próxima semana, os preços da gasolina vão sofrer um aumento mas o gasóleo deverá manter os preços.

Na próxima semana, os preços dos combustíveis vão revelar um comportamento misto: enquanto o gasóleo não sofre alterações, a gasolina sobe pouco mais de meio cêntimo.

“A evolução das cotações em euros aponta para uma subida do preço da gasolina em 0,56 cêntimos por litro, enquanto o gasóleo fica inalterado”, adianta fonte do setor ao Jornal Económico.

Os movimentos vão sentir-se tanto nas bombas das principais gasolineiras como nos postos das denominadas “marcas brancas”, que normalmente têm preços mais baixos.

O preço médio de referência do litro de gasolina em Portugal estava nos 1,526 euros. Já o gasóleo valia 1,305 euros por litro, segundo dados da Direção Geral de Energia e Geologia (DGEG). As cotações podem no entanto variar de posto para posto, já que o preço fixado na rede tem de ter ainda em conta o nível de concorrência, da oferta e da procura em cada mercado e o nível de custos fixos de cada posto.

De acordo com o último relatório de Bruxelas, Portugal tem dos combustíveis mais caros da Europa. Os dados da Comissão Europeia também deixam claro que a grande fatia do preço cobrado por cada litro de combustível vai para os cofres do Estado.

Entre os 28 Estados-Membros, o preço médio de referência da gasolina ronda os 1,390 euros por litro, enquanto o ‘diesel’ vale 1,248 euros por litro. Já na zona euro, um litro de gasolina custa 1,427 euros e um litro de gasóleo vale 1,234 euros.

Ler mais

Recomendadas

Financiamento das administrações públicas sobe para 10,3 mil milhões de euros até novembro

O regulador bancário explica que desde o início do ano e até novembro, as administrações públicas financiaram-se junto de bancos residentes em 10,7 mil milhões de euros e junto do exterior em 0,5 mil milhões de euros.

Marcelo defende que escolas devem “fechar o mais cedo possível”

Apesar de apontar efeitos demolidores para os estudantes, Marcelo Rebelo de Sousa defende que as escolas devem fechar o “mais cedo possível”, disse hoje ao Observador.

Portugal foi o quarto país da zona euro que mais aumentou o peso da dívida pública no terceiro trimestre

O rácio da dívida pública na zona euro subiu para 97,3% do PIB no terceiro trimestre do ano passado. Portugal continua a ocupar o terceiro lugar do ranking de países com o maior peso de dívida pública e em comparação com o segundo trimestre foi dos que registou a maior subida.
Comentários