‘Beep Fish’. Continente lança ‘pager’ para tornar compras mais “práticas”

Com esta inovação, presente em 14 lojas do país (de norte a sul), o Continente permite que os clientes não percam tempo junto aos balcões da peixaria e possam continuar as suas compras nos restantes corredores da superfície, otimizando desta forma o tempo em loja.

Continente

A rede de hipermercados Continente anunciou o lançamento de um dispositivo que, de acordo com a marca do Grupo Sonae, tem como objetivo desafiar os clientes a continuar as suas compras enquanto o seu peixe está a ser arranjado. O novo serviço, batizado de ‘Beep Fish’, funciona com um pager que vibra assim que a encomenda de peixe que os clientes solicitaram previamente ao balcão, está pronta a ser levantado.

Assim, e com esta inovação, presente em 14 lojas do país (de norte a sul), o Continente permite que os clientes não percam tempo junto aos balcões da peixaria e possam continuar as suas compras nos restantes corredores da superfície, otimizando desta forma o tempo em loja.

Esta medida junta-se a outras já implementadas na rede Sonae –  como a app Tira-Vez, que permite ao cliente tirar senhas através do telemóvel, ou o Smart Continente, outra aplicação onde é possível fazer listas de compras através de comandos de voz – pensadas “para oferecer aos seus clientes uma experiência de compra cada vez mais prática, cómoda e personalizada”, segundo se lê no comunicado.

Recomendadas

Investimento imobiliário: estes são os passos essenciais para quem quer investir. Veja o “Economize”

Acompanhe o “Economize” na plataforma multimédia JE TV, através do site e das redes sociais do Jornal Económico.

Sempre que compro numa loja virtual de outro país tenho que pagar taxas aduaneiras ou alfandegárias? Saiba aqui

Se a sua encomenda ficar retida e receber um aviso de desalfandegamento, deve enviar os seus dados pessoais, a fatura de compra e o comprovativo de pagamento para o serviço internacional dos CTT de modo a receber a sua encomenda após o pagamento das taxas e impostos devidos.

Acesso a tarifa social de Internet em banda larga adiado para 2022

“O valor da tarifa social de fornecimento de serviços de acesso à Internet em banda larga é fixado por portaria do membro do Governo responsável pela área da transição digital, para produzir efeitos no dia 01 de janeiro do ano seguinte”, lê-se no decreto-lei, que cria aquela tarifa social.
Comentários