easyJet cresceu 8,6% em Portugal

O maior crescimento verificado foi no aeroporto de Faro, com uma subia de 13,4%, ultrapassando a barreira dos dois milhões de passageiros no período em análise.

A companhia aérea low-cost easyJet transportou 7,2 milhões de passageiros de e para Portugal no ano fiscal que terminou em setembro de 2019, o que representou um crescimento de 8,6% face ao período homólogo.

Segundo José Lopes, diretor da easyJet para Portugal, o maior crescimento verificado foi no aeroporto de Faro, com uma subia de 13,4%, ultrapassando a barreira dos dois milhões de passageiros no período em análise.

A nível global, a easyJet transportou no ano fiscal terminado em setembro de 2019 96,1 milhões de passageiros, um crescimento de 8,6% “após um verão recorde”, de acordo com José Lopes.

Este responsável aproveitou a apresentação de resultados da companhia para anunciar o lançamento do programa de férias para os clientes da easyJet, “o easyJet holidays”, que irá arrancar ainda antes do Natal, numa primeira fase só para clientes que voem de e para o Reino Unido.

José Lopes sublinhou ainda que, a partir de hoje, a easyJet se assume como a primeira companhia aérea do mundo a ter uma pegada neutra em termos de emissões de CO2 dos seus voos, através de diversas parcerias que vão implementar mecanismos de compensação como programas de conservação florestal e aposta em energias renováveis e na água potável em locais como a América do Sul, África ou Índia.

(notícia em atualização)

Ler mais
Recomendadas

Euroxent indica que aumento de capital da Vista Alegre atraiu sobretudo investidores internacionais

O aumento de capital da Vista Alegre Atlantis (VAA) atraiu, maioritariamente investidores internacionais, numa operação “muito bem sucedida”, conforme defendeu esta sexta-feira a presidente executiva da Euronext Lisbon.

Seguradora Fidelidade entra no mercado chileno

Com esta entrada no Chilea Fidelidade vai também apostar em alianças com parceiros estratégicos locais, alavancadas numa rede ampla de corretores e grandes retalhistas e de bancassurance, apostando numa qualidade de serviço superior com o objetivo de proporcionar o melhor serviço aos clientes.

PAN pede campanha informativa sobre 5G em Matosinhos

Matosinhos tem uma Zonal Livre Tecnológica, promovida pelo CEiiA – Centro de Engenharia e Desenvolvimento, da qual faz parte a NOS. A operadora usa a zona para testar 5G e em outubro anunciou ter coberto “integralmente” com a nova tecnologia móvel. Agora o PAN pede palestras, conferências e debates por toda a cidade para explicar o que é o 5G.
Comentários