Iberdrola lidera fornecimento de energia à indústria em Portugal

A elétrica espanhola detém cerca de 30% do mercado do segmento industrial português.

A produtora de energia ‘verde’ espanhola mantém a liderança no fornecimento de energia ao segmento industrial português com uma quota de 22,8% do mercado.

De acordo com o comunicado divulgado, esta terça-feira, a Iberdrola mantém assim o “forte compromisso com as empresas, que é ainda maior neste momento de esforço colectivo para a recuperação da economia nacional”. A empresa liderada por José Ignacio Sánchez Galán  está em Portugal há 18 anos.

A elétrica espanhola anunciou na semana passada que vai construir uma central solar de 83 megawatts (MW) no Algarve, tendo sido o único lote vencido pela empresa no leilão de energia solar realizado em agosto dos 12 que estavam a concurso.

Com este projeto, a elétrica espanhola passa a ter projetos de 255 MW de solar fotovoltaica em Portugal, com 14 MW de armazenamento em forma de bateria. Já em operação, a empresa tem 92 MW de energia eólica.

Destes 83 MW solares vão juntar-se aos 172 ME conquistados pela empresa no leilão de 2019, com estas centrais a ficarem localizadas nas regiões do Algarve e Vale do Tejo que se encontram atualmente em desenvolvimento”.

Recomendadas

Covid-19: APED defende venda dos autotestes nos super e hipermercados

O diretor-geral da Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED) defendeu, em entrevista à Lusa, a venda dos autotestes covid-19 nos supermercados e hipermercados, salientando que o setor quer estar “na parte da solução”.

Efacec promove ‘crowdsourcing’ para empreendedores

As propostas serão avaliadas por uma equipa multidisciplinar da empresa e as propostas escolhidas terão acesso a uma parceria a longo prazo, validação da solução, oportunidade de negócio sustentável e à experimentação, exposição e expansão junto da Efacec.

Turismo Centro de Portugal lança campanha com 20% de desconto na compra de ‘escapadinhas’ na região

As reservas a preços promocionais em unidades hoteleiras da região no âmbito desta campanha podem ser feitas até 30 de junho, para serem usadas até finais de outubro.
Comentários