Ikea fecha ano fiscal com vendas de 462 milhões em Portugal

Este valor representa um crescimento de 5% em relação ao ano anterior. Vendas feitas através da loja online equivaleram a 23% da receita total.

David Paul Morris/Bloomberg

A Ikea Portugal terminou o seu ano fiscal entre 1 de setembro de 2020 a 31 de agosto de 2021 com um volume de 462 milhões de euros em vendas, de acordo com o comunicado emitido esta quinta-feira, 14 de outubro.

Este valor representa um crescimento de 5% em relação ao ano anterior, sendo que a loja online apresentou o maior aumento quer em visitas, como em vendas. Durante o ano a loja online da cadeia sueca e a aplicação móvel tiveram um total de 62,7 milhões de visitas, mais 36% do que no ano anterior, sendo que as vendas realizadas através da loja online representaram 23% da receita total, mais 8% do que em 2020.

Ricardo Pereira, CFO e deputy CEO da Ikea Portugal, refere que “continuamos a trabalhar diariamente para alcançar os nossos objetivos, sempre com foco nos nossos grandes pilares estratégicos: acessibilidade no preço, conveniência e sustentabilidade”.

Caixas ‘self service’ geram insatisfação nos clientes

De forma a tornar-se uma empresa mais tecnológica o Ikea adotou recentemente a utilização de caixas de pagamento automáticas, deixando assim que o cliente faça o seu próprio registo de compra. Contudo, o processo não está a ser aceite da melhor pelos utilizadores que fizeram questão de manifestar o seu desagrado através do Portal da Queixa.

Entre as reclamações mais frequentes estão as longas filas criadas pelas dificuldades dos clientes em utilizar as caixas ‘self service’, bem como a ausência de apoio das operadoras e de caixas normais.

Recomendadas

Ibersol avança com aumento de capital que propicia encaixe até 40 milhões

A empresa que detém a Pizza Hut, KFC, Taco Bell e Burger King anunciou um aumento de capital num montante máximo de 40 milhões de euros. A empresa quer ainda distribuir 20% dos lucros anuais consolidados.

Galp entra no solar no Brasil com a compra de dois projetos de 594 megawatts

Partilhar artigo … A Galp vai entrar nas renováveis no Brasil. A empresa portuguesa acordou a aquisição de dois projetos solares, com uma capacidade total de 594 megawatts de potência.

Goldman Sachs vê EDP a fechar terceiro trimestre com lucros de 505 milhões

Resultados da elétrica nos primeiros nove meses do ano ficariam acima dos 420 milhões do período homólogo de 2020, estima a Goldman Sachs. Mas com o EBITDA a descer, para os 2,48 mil milhões de euros.
Comentários