João Galamba substitui diretor-geral de Energia

O novo secretário de Estado da Energia terá afastado o diretor-geral de Energia que tinha sido nomeado pelo seu antecessor, noticia o Público.

Cristina Bernardo

Mário Guedes, responsável máximo da Direção-Geral de Energia e Geologia desde abril de 2017, terá sido afastado do cargo pelo novo secretário de Estado da Energia, João Galamba, avança a edição online do jornal Público.

Este diretor-geral de Energia estava no cargo há ano e meio tendo sido formalmente designado em julho por Jorge Seguro Sanches, antigo secretário de Estado da Energia, para um mandato que iria durar cinco anos.

Recorde-se que Mário Guedes tinha sido ainda apontado por Jorge Seguro Sanches para o conselho de administração da empresa do Estado de desenvolvimento mineiro, a EDM.

(em atualização)

Relacionadas

Matos Fernandes sobre Galamba: “Escolhi o secretário de Estado que melhor completava o meu próprio saber”

O ministro do Ambiente e da Transição Energética, João Matos Fernandes, foi questionado à margem da assinatura do financiamento do projeto WindFloat, o primeiro parque eólico flutuante.

João Galamba apontado para novo secretário de Estado da Energia

O deputado socialista deverá integrar o executivo após a remodelação de que foi alvo este fim-de-semana.
Recomendadas

Marques Mendes antevê acusações de gestão danosa da CGD nos anos 2005 a 2008

Segundo o comentador, o facto de Ministério Público ter chamado a si a auditoria às gestões anteriores da CGD significa que se prepara para acusar gestores de gestão danosa. Marques Mendes revelou ainda que a auditoria está também no BCE. Outro tema em análise foi a OPA à EDP, a propósito da visita de Xi Jinping a Portugal. Marques Mendes diz que a OPA vai morrer de forma “natural”.

Presidente da Liga dos Bombeiros garante que socorro às populações não está em causa

O presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses (LPB), Jaime Marta Soares, garantiu hoje que a ausência de reporte à Proteção Civil não compromete o socorro à população e devolveu a acusação de irresponsabilidade ao ministro da tutela, Eduardo Cabrita.

Marcelo pede a Bombeiros e Governo que evitem dificultar o diálogo

O Presidente da República apelou hoje, a propósito do conflito entre Liga dos Bombeiros e Governo, para que todos os intervenientes evitem afirmações públicas que dificultem o diálogo neste “domínio muito sensível” da Proteção Civil.
Comentários