Liga dos Campeões: SL Benfica está “sozinho na casa” dos milhões

‘Águias’ iniciam esta terça-feira a fase de grupos na Liga dos Campeões como único representante português na mais importante e milionária prova de clubes do mundo. Objetivo é ultrapassar quantia que o FC Porto arrecadou na época passada.

JOSE SENA GOULAO / LUSA

O RB Leipzig estreia esta terça-feira, no Estádio da Luz, o SL Benfica europeu de Bruno Lage, na partida que marca o arranque da fase de grupos da Liga dos Campeões. Com os ‘encarnados’ sozinhos na ‘casa dos milhões’, em virtude de ser o único português em prova, cabe à equipa liderada por Bruno Lage defender a bandeira portuguesa, numa prova onde o acesso é cada vez mais restritos e os prémios são cada vez mais avultados.

Num grupo onde tudo parece possível e com o equilíbrio como tónico (com os alemães do RB Leipzig, os franceses do Lyon e os russos do Zenit) o objetivo, naturalmente, passa pela passagem à fase eliminar mas há uma referência difícil de ultrapassar. Na época passada, e mesmo condicionado pelo ‘fair play’ financeiro imposto pela UEFA, o FC Porto fez das fraquezas forças e conseguiu não só impor-se no seu grupo como granjear a faixa de ‘melhor equipa da fase de grupos’ da Liga dos Campeões, edição 2018/19.

Apesar de ter caído aos ‘pés’ do agora campeão europeu, Liverpool FC, a equipa treinada por Sérgio Conceição chegou ao final da prova com 78,44 milhões de euros em receitas diretas na Liga dos Campeões, um montante considerável e que muito ajudou os azuis-e-brancos a equilibrar as contas. Esta época, e em virtude da eliminação frente ao Krasnodar, os ‘dragões’ não vão poder acompanhar as ‘águias’ na batalha dos milhões e até viram o SL Benfica a garantir mais 1,11 milhões de euros fruto da sua saída precoce da prova.

Sem ter efetuado qualquer minuto, e em virtude de um modelo em que visa premiar os clubes com mais palmarés nas provas europeias, o SL Benfica já garantiu 44 milhões de euros para os seus cofres e agora, tudo vai depender da prestação da equipa e da capacidade de transformar golos em milhões e milhões de euros. Na temporada anterior, a equipa liderada por Rui Vitória fez apenas sete pontos em seis jogos, caindo para a Liga Europa com seis golos marcados e onze sofridos.

Note-se que a UEFA vai distribuir 2 mil milhões de euros em prémios pelas equipas que vão disputar a Liga dos Campeões, versão 2019/20.

Recomendadas

Sporting rescinde protocolos com claques Juventude Leonina e Diretivo Ultras XXI

Decisão foi tomada “em virtude da escalada de violência que ontem [sábado] culminou com tentativas de agressões físicas a dirigentes e outros adeptos”, durante a vitória no futsal frente ao Leões de Porto Salvo (6-1), no Pavilhão João Rocha, explica a direção do clube.

PremiumTecnologia. Como as criptomoedas estão a chegar ao futebol

As transações em moedas digitais já são uma realidade no mundo desportivo. Os portugueses Nuno Correia, César Carvalho e Hélder Silva lideram projetos inovadores e acreditam que as criptomoedas serão o “dinheiro de amanhã” no futebol.

AC Milan cada vez mais longe da antiga glória. Finanças do clube estão cada vez piores

O insucesso desportivo tem sido apontado como a principal e, natural, razão para a crise financeira que se instalou no clube. Os investimentos feitos nas últimas cinco épocas, tinham como principal objetivo resgatar o clube e trazer de volta a San Siro os dias de glória. O resultado não foi o esperado.
Comentários