Livre falha prazo para entrar no debate sobre nacionalidade, uma das suas bandeiras eleitorais

O partido falhou a entrega do seu próprio projeto sobre a lei da nacionalidade, que tinha sido uma prioridade na campanha, sendo que o prazo terminou no passado dia 22 de novembro, embora o tempo de discussão esteja marcado para dia 11 de dezembro.

Miguel A. Lopes / Lusa

Os desacordos entre Joacine Katar-Moreira e o partido que representa, o Livre, encheu a imprensa no último fim de semana, e parece que os dois continuam em discórdia, noticia o jornal ‘Público’ esta terça-feira, 26 de novembro.

A assembleia do Livre quis apresentar uma figura de mediador para corrigir a falha de comunicação entre a direção do partido e a deputada, no passado domingo, assumiu o assessor de Joacine à publicação, mas a sugestão não avançou. No entanto, foi aprovado, por unanimidade, o pedido ao conselho de jurisdição do Livre para que se averigue o que ocorreu entre o grupo de contacto e o gabinete da deputada, uma vez que as dificuldades de comunicação tornaram-se mais evidentes que nunca.

Um dos exemplos de falta de comunicação que o ‘Público’ destaca é que o partido falhou a entrega do seu próprio projeto sobre a lei da nacionalidade, que tinha sido uma prioridade na campanha, sendo que o prazo terminou no passado dia 22 de novembro, embora o tempo de discussão esteja marcado para dia 11 de dezembro.

À publicação, a assessora jurídica de Joacine explicou que o projeto vai ser entregue ainda hoje, mesmo que não chegue a tempo de ser apresentado no tempo de debate. A assessora destaca que a entrega “não correu como o esperado” devido aos problemas de comunicação já conhecidos.

Apesar de o tema não poder ser discutido no tempo de debate, a única deputada que representa o Livre no parlamento português afirma que a questão da nacionalidade continua a ser uma prioridade para o partido, sustentando que vai apresentar a proposta.

Relacionadas

Livre assume dificuldades de comunicação, mas garante que partido continua unido

A Assembleia do Livre assumiu hoje “dificuldades de comunicação”, mas garantiu que está a ser feito trabalho “em conjunto para as resolver”, sublinhando que o partido “continua unido e focado em torno do seu programa político e eleitoral”.

“Muitos estão perplexos. Nós também”. Fundador do Livre fala sobre polémica com Joacine

Na perspetiva do fundador do Livre, os concidadãos “habituaram-se a ver um partido sério, empenhado nos verdadeiros temas, empenhado em falar daquilo que importa aos portugueses e aos europeus e àquilo que importa para” o planeta.

Joacine critica direção do Livre: “Fui eu que ganhei as eleições sozinha”

A deputada critica duramente a direção do seu partido pela falta de apoio. O Livre reúne-se este domingo às 14h30 para abordar esta polémica, menos de dois meses depois de ter eleito o seu primeiro deputado para o Parlamento.

Joacine fora do Livre? “Absolutamente impossível”, garante deputada

À entrada para a Assembleia do Livre, que hoje à tarde se reúne na sede do partido, em Lisboa, um dia depois de uma troca de comunicados entre a direção e a deputada sobre uma votação no parlamento a propósito da situação em Gaza, Joacine Katar Moreira começou por dizer aos jornalistas que não ia fazer “nenhum comentário”.
Recomendadas

Luanda Leaks: BE/Porto pede retirada de medalha a Sindika Dokolo, câmara lembra aprovação unânime

O BE vai pedir à Assembleia Municipal do Porto a retirada da medalha de mérito a Sindika Dokolo, cuja atribuição, lembra a câmara, foi “unanimemente aprovada” em reunião do executivo, pela realização de uma “importante” exposição.

Rui Tavares: “Senti a vergonha alheia dos outros. Há um erro de comportamento pós-eleitoral de Joacine”

Um dos fundadores do Livre considera que o comportamento de Joacine Katar Moreira mudou após ter sido eleita deputada.

Baixas para assistência aos filhos vão ser pagas a 100%

Em entrevista ao jornal “Público”, a ministra do Trabalho e da Segurança Social afirma que o Governo vai criar condições para os “jovens terem filhos mais cedo”. Todas as famílias com um segundo ou mais filhos até três anos de idade terão direito a um cheque para apoio da creche.
Comentários