Madeira: crédito a sociedades não financeiras cai 0,1%

O crédito malparado das sociedades financeiras fixou-se em 200 milhões de euros, no segundo trimestre.

O crédito concedido a sociedades não financeiras, na Madeira, foi de 1,6 mil milhões de euros, no segundo trimestre, uma queda de 0,1%, de acordo com os dados da Direção Regional de Estatística (DREM).

Em queda esteve ainda o crédito malparado das sociedades não financeiras, que se cifrou em 200 milhões de euros, no segundo trimestre, menos cinco milhões de euros face ao trimestre anterior.

O crédito dado às famílias ficou no 2,9 mil milhões de euros, mais dois milhões de euros, face ao trimestre anterior. Já o rácio de crédito ficou nos 3,2%, uma descida de 0,2% face ao trimestre anterior.

O crédito malparado no crédito às famílias ficou nos 94 milhões de euros, no segundo trimestre, menos quatro milhões de euros, face ao trimestre anterior.

Recomendadas

PremiumProjeto FORWARD tenta aproximar investigadores de decisores políticos

Lúcio Quintal, da ARDITI, destaca as potencialidades das Regiões Ultraperiféricas para a investigação e inovação, dado que podem servir de laboratórios.

Albuquerque confirma ciclo de diálogo após PS ter deixado de “tentar prejudicar” Madeira

O governante destacou que já se registaram avanços no Orçamento do Estado para 2020 em matéria da clarificação do financiamento do novo hospital da Madeira e da introdução de uma taxa variável que permitiu a redução de sete milhões de euros por ano no serviço da dívida da região.
Comentários