Mantém-se tendência de queda de novos contágios na Alemanha

A incidência semanal foi de 119,1 infeções por 100 mil habitantes, o que representa um ligeiro aumento em relação ao dia anterior (118,6), mas uma diminuição em relação às 146,9 infeções por 100 mil habitantes da última segunda-feira.

A Alemanha registou 6.922 infeções por coronavírus nas últimas 24 horas, em comparação com 9.160 na semana passada, de acordo com os últimos dados do Instituto Robert Koch (RKI) de virologia.

Estes dados dão continuidade a uma tendência de queda observada nos últimos dias e que levou o ministro da Saúde alemão, Jens Spahn, a dizer que a terceira onda tinha sido travada, embora o nível de infeções ainda se mantenha muito elevado.

O RKI também registou 54 mortes pela doença, em comparação com as 84 da semana anterior.

A incidência semanal foi de 119,1 infeções por 100 mil habitantes, o que representa um ligeiro aumento em relação ao dia anterior (118,6), mas uma diminuição em relação às 146,9 infeções por 100 mil habitantes da última segunda-feira.

Desde o início da pandemia, foram confirmadas na Alemanha 3.527.251 infeções por coronavírus. O RKI estima que 3.175.100 pessoas tenham recuperado da covid-19, enquanto 84.829 morreram de causas relacionadas com a doença.

Na Alemanha, 32,3% da população já recebeu a primeira dose da vacina contra o coronavírus e 9,1 % têm a vacinação completa.

Recomendadas

Arraial da IL em Lisboa com parecer desfavorável da DGS para atividades que extravasem comício

A Iniciativa Liberal (IL) promove este sábado um “Arraial Liberal” em Santos, Lisboa, com animação e 20 barraquinhas, mas a autoridade de saúde deu parecer desfavorável a todas as atividades que extravasem o comício político, e recomendou distanciamento.

Banco Mundial responsabiliza vacinação desigual por recuperação económica a dois tempos

A diretora-geral do Banco Mundial, Ngozi Okonjo-Iweala, afirmou este sábado, numa conferência à margem da cimeira do G7, que a distribuição desigual de vacinas vai ter impacto na recuperação económica mundial, em especial em África e na América Latina. 

Sesimbra não avança para nova fase de desconfinamento

O concelho de Sesimbra não vai avançar para uma nova fase de desconfinamento, ao contrário do que estava previsto, devido ao aumento local de casos de covid-19, disse este sábado à agência Lusa o presidente da autarquia, Francisco Jesus.
Comentários