“Monitorização do PRR é um eixo fundamental da intervenção dos economistas”, realça candidato a bastonário

“A Ordem deve ter um papel fundamental no acompanhamento desses projetos. É um eixo fundamental da nossa intervenção. Uma das nossas propostas passa pela criação de um Observatório da Recuperação Económica e do Desenvolvimento”, referiu o candidato a bastonário em entrevista ao JE.

O antigo ministro das Obras Públicas, Transportes e Comunicações, e candidato a bastonário da Ordem dos Economistas, António Mendonça, realçou em entrevista à plataforma multimédia JE TV, que o Plano de Recuperação e Resiliência é um eixo importante para a intervenção desta classe profissional.

“A Ordem deve ter um papel fundamental no acompanhamento desses projetos. É um eixo fundamental da nossa intervenção. Uma das nossas propostas passa pela criação de um Observatório da Recuperação Económica e do Desenvolvimento”, referiu o candidato a bastonário em entrevista ao JE.

A Ordem dos Economistas vai a votos no final do ano e na corrida aos órgãos sociais estão António Mendonça e António Rebelo de Sousa, que são respetivamente o candidato a bastonário e o candidato a vogal da direção da Ordem, pela plataforma eleitoral “Um projeto para o futuro”.

Nesta entrevista conduzida por Filipe Alves, diretor do JE, os membros desta plataforma eleitoral propõem-se a mudar a Ordem, prestigiar os economistas e colocar esses profissionais ao serviço do crescimento económico do país, nomeadamente no que diz respeito ao acompanhamento e monitorização do Plano de Recuperação e Resiliência.

Relacionadas

“Ordem dos Economistas deve monitorizar aplicação do PRR”, defende António Mendonça, candidato a bastonário

Nesta entrevista conduzida por Filipe Alves, diretor do JE, António Mendonça e António Rebelo de Sousa, que são respetivamente o candidato a bastonário e o candidato a vogal da direção da Ordem, propõem-se a colocar esses profissionais ao serviço do crescimento económico do país, nomeadamente no que diz respeito ao acompanhamento e monitorização do Plano de Recuperação e Resiliência.

PremiumAntónio Mendonça quer uma Ordem dos Economistas “interventiva e influente”

Candidatura liderada por António Mendonça assume-se como “da base para o topo” e de “rutura” face à linha seguida pelo atual bastonário. Lista não tem natureza partidária e inclui pessoas de todo os quadrantes, garante o candidato.
Recomendadas

Ricardo Salgado. Tribunal rejeita pedido da defesa para suspender julgamento por diagnóstico de Alzheimer

A defesa do antigo banqueiro Ricardo Salgado tinha pedido a suspensão do processo, mas juiz considera que a doença não é razão suficiente para que as “capacidades de defesa do arguido estejam limitadas de tal forma que o impeçam de se defender de forma plena.

Presidente e vice-presidente da ASFAC integram a direção da associação europeia do sector

Duarte Gomes Pereira e Leonor Santos, Presidente e Vice-presidente, respetivamente, da Associação de Instituições de Crédito Especializado (ASFAC) foram eleitos para integrar a Direção da European Federation of Finance House Associations (Eurofinas).

WeWork chega ao mercado bolsista

Entrada no mercado de ações acontece depois do entrave criado pela pandemia e de uma Oferta Pública Inicial (IPO) falhada.
Comentários