Passaporte português considerado um dos mais ‘valiosos’ em 2018

Dados do relatório Henley Passport Index avaliam a mobilidade e licença de estadia permitida pelos documentos de cada país.

Portugal ocupa a 5º posição no ranking dos passaportes mais valiosos do mundo em 2018, de acordo com o relatório Henley Passport Index.

Os dados deste relatório avaliam a mobilidade e licença de estadia permitida pelos documentos de cada país. Uma posição que o passaporte português partilha com mais países, como Estados Unidos, Reino Unido e a Holanda.

O estudo recorreu à International Air Transport Authority (IATA)  para recolher informações de 227 destinos e de 199 passaportes de diferentes países.  Esta plataforma sofre atualizações recorrentes ao longo do ano para manter fiabilidade dos dados, caso sejam feitas mudanças dos vistos dos diferentes países.

O Japão lidera o ranking, somando um total de 190 destinos que atribuirão vistos aos seus cidadãos e em último lugar encontram-se o Iraque e o Afeganistão, com apenas 30 destinos nos quais os seus cidadãos receberão vistos.

Os resultados que os estados podem alcançar podem ser extraordinários, embora dependa do trabalho colaborativo que estes fazem para a edificação de um mundo mais conectado e colaborativo”, comentou Christian H. Kälin, diretor do grupo Henley & Partners, em entrevista à CNN.

Este responsável referiu ainda que, “a relação entre a China e os Emirados Árabes Unidos exemplifica este tipo de progresso, pois ambos apresentam uma subida significativa no ranking, relativamente a 2017, derivada dos laços que têm vindo a estabelecer com os seus parceiros internacionais.”

Ler mais
Relacionadas

TAP transportou mais de 12 milhões de passageiros até setembro

A taxa de ocupação média dos lugares fixou-se nos 82,4%, até setembro.

73% dos viajantes europeus não submetem pedidos de compensação após problemas com a bagagem

87% dos passageiros aéreos europeus não conhecem os seus direitos. Todos os anos 5 mil milhões de euros em compensações não são reivindicadas devido a perturbações em voos.

Viajar é o segundo maior motivo de poupança para os portugueses

Os portugueses admitem conseguir poupar dinheiro mensalmente, em igual proporção aos europeus. No entanto, enquanto os portugueses pouparm 80 euros por mês , a média europeia é de 385 euros.
Recomendadas

Escapadinha de fim de semana? Aproveite. Ryanair com voos a partir de 3,99 euros

Existem 100 mil lugares com voos 20% mais baratos para os meses de maio, junho e julho.

Local Tuk Tuk investe em Madrid e cria novo negócio com os veículos

“O mercado espanhol é cerca de quatro vezes maior. Espanha é muito mais apetecível porque está a crescer”, refere o fundador, Filipe Figueiredo. Além das típicas tours, a empresa portuguesa apostou na venda e aluguer das viaturas. Em 2018, a faturação da empresa com esta unidade de negócio foi de cerca de um milhão de euros.

Jamie’s Italian em Lisboa foge ao cenário de insolvência e permanece aberto

A gerência do restaurante do chef britânico Jaime Oliver, situado na Praça do Príncipe Real, garante que o espaço não será afetado pelo processo de insolvência da cadeia de restaurantes.
Comentários