Resistentes ao odor e impermeáveis. Estes são os primeiros ténis feitos de grãos de café

Dois jovens de Helsínquia criaram o primeiro par de ténis feito com grãos de café e à prova de água. Além de amigos do ambiente, as sapatilhas são ainda resistentes ao odor devido às propriedades do café.

Sabe-se que o café ajuda algumas pessoas a manter o ritmo. No entanto, há quem leve esse efeito para um outro patamar, como Son Chu e Jesse Tran. Estes jovens empreendedores finlandeses decidiram criar ténis a partir de grãos de café e criaram a sua marca Rens Original.

Ainda que poucos países dominem a produção do café, o produto é consumido em todos os lugares do planeta, sendo que perto de dois mil milhões de chávenas são consumidas por dia. Aqui coloca-se o desafio do desperdício alimentar, uma vez que a maior parte dos grãos acabam em aterros.

Os dois jovens de Helsínquia, capital finlandesa, criaram o primeiro par de ténis feito com grãos de café e à prova de água. Além de amigos do ambiente, as sapatilhas são ainda resistentes ao odor devido às propriedades do café.

Além dos grãos de café já utilizados, e da melhor parte ter sido consumida, cada par de Rens é produzido a partir de 300 gramas de café reciclado e o equivalente a seis garrafas de plástico.

No entanto, ainda não é possível comprar estes ténis. A Rens Original ainda está em fase de angariação de dinheiro, apesar de já ter alguns pares produzidos. A marca lançou no site Kickstarter a angariação de fundos para conseguir produzir o seu projeto. Com um objetivo de 19 mil dólares (17 mil euros), a dupla empreendedora ultrapassou em larga medida o valor pedido.

Até ao final da semana passada, Son Chu e Jesse Tran conseguiram angariar 471.861 dólares (420.745 euros), tendo do seu lado 4.312 apoiantes que doaram dinheiro para o projeto. Na última interação da marca na plataforma de angariação de fundos, a Rens Original garantia que tinha o apoio de mais de 57 países.

A cinco dias de encerrar a angariação de fundos, a entrega dos ténis só está prevista para o mês de novembro, indica a página do Kickstarter. Para já, estão disponíveis nove pares com cores diferentes para venda. Quem contribuir para a angariação da empresa, com um valor superior a 89 dólares (79 euros) recebe em troca um par de ténis com entrega gratuita.

Estes ténis originais da Finlândia prometem também trazer uma boa dose de sustentabilidade à indústria da moda. Com vendas de 1,15 mil milhões de euros, a indústria da moda é também uma das mais poluidoras e responsável por 20% de todo o gasto mundial de água.

Recomendadas

Governo garante verbas de apoio aos transportes coletivos da Área Metropolitana do Porto

Apesar de o prazo para apresentação dos relatórios relativos ao segundo trimestre de 2021 ter terminado a 31 de julho, O Ministério do Ambiente garante que as Áreas Metropolitanas e Comunidades Intermunicipais que pretendam proceder à retificação ou alteração dos pedidos já formulados poderão ainda fazê-lo até ao dia 15 de agosto.

SATA é a única concorrente à concessão das rotas interilhas nos Açores

Caberá ao júri analisar a proposta apresentada pela SATA e submeter ao secretário Regional dos Transportes, Turismo e Energia, Mário Mota Borges, um “relatório fundamentado para efeitos de adjudicação”.

Groundforce diz que TAP lhe deve 2,5 milhões por voos noturnos. Companhia aérea discorda

Entre julho de 2017 e dezembro de 2018, a empresa diz ter faturado à TAP o valor total de 1.446.706,29 euros, pelas assistências de voos que não estavam previstos em horário de ‘night curfew’ e que acabaram por ser assistidos naquele período.
Comentários