Sondagem dá vitória ao PS nas Europeias. 45% acha que situação económica está na mesma

Os socialistas aparecem com 36% enquanto que o PSD obtém 28%. Relativamente à situação económica do país 38% acha que melhorou.

O PS vence as eleições europeias, e 45% dos inquiridos acha que a situação económica do país está na mesma. Estas são algumas das conclusões da sondagem do ICS e do ISCTE publicada no Expresso.

Os socialistas aparecem com 36% das intenções de voto, seguido pelo PSD com 28%, pelo BE, CDU, e CDS-PP, que aparecem com 9%, e com 8% e 8% das intenções de voto, numa sondagem que abrange 7 a 12 de maio.

Em comparação verifica-se que o PS melhorou 2%, enquanto que o PSD manteve a mesma percentagem dos votos. O BE ganhou 1%, enquanto que CDU e CDS-PP perdem 1%, face aos resultados apurados entre 22 de abril e 3 de maio

A sondagem publicada no Expresso analisou ainda a situação económica do país. Dos inquiridos 38% (mais 1% face à última sondagem) entendeu que a situação económica melhorou, no último ano, enquanto que 45% (um aumento de 5% face à última sondagem) acha que está na mesma.

 

Recomendadas

Hoje há debate quinzenal com o primeiro-ministro sobre políticas ambientais e de valorização do território

Na agenda parlamentar de hoje destacam-se também o debate preparatório do Conselho Europeu e o debate com a participação do Governo sobre os instrumentos de governação económica da União Europeia. A próxima reunião do Conselho Europeu vai realizar-se nos próximos dias 20 e 21 de junho, para tomar decisões sobre as nomeações para o novo ciclo institucional e para adotar a Agenda Estratégica 2019-2024.

PS quer lançar campanha nacional sobre “qualidades” e “benefícios” do consumo de leite

Grupo Parlamentar do PS apresentou projeto de resolução que insta o Governo a desenvolver uma “campanha de informação sobre as qualidades do leite e dos seus benefícios para a saúde”. Deputados socialistas criticam “bebidas apresentadas como ‘alternativas’ ao leite e que utilizam de forma ilegal a denominação de ‘leite'”.

Governo estuda emissão de obrigações para empresas industriais

O Governo está a estudar lançar emissões de obrigações agrupadas para vários setores, nomeadamente o industrial, depois de anunciar hoje uma operação destinada a empresas de turismo, de acordo com o ministro Adjunto e da Economia.
Comentários