Taxa de desemprego sobe para 6,9% em dezembro

Dados provisórios do INE revelam uma subida de duas décimas na taxa de desemprego em dezembro, face a novembro.

A taxa de desemprego subiu para 6,9% em dezembro de 2019, depois de se ter fixado em 6,7% em novembro, segundo dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), esta quarta-feira.

“A estimativa provisória da taxa de desemprego de dezembro de 2019 é 6,9%, tendo aumentado 0,2 p.p. [pontos percentuais] em relação ao mês anterior”, explica o organismo de estatística. Em novembro de 2019, a taxa de desemprego situou-se em 6,7%, valor superior em duas décimas ao do mês anterior e em três décimas ao de três meses antes e igual ao do mesmo mês de 2018.

No Orçamento do Estado para 2020, o Governo projecta que a taxa de desemprego em 2019 se fixe em 6,4%.

O INE revela ainda que a taxa de desemprego dos jovens foi estimada em 19,3% e verificou um acréscimo de 0,6 p.p. em relação ao mês precedente, enquanto “a taxa de desemprego dos adultos foi estimada em 5,9%, o que corresponde a um aumento de 0,1 p.p. relativamente ao mês anterior”.

Os dados definitivos relativos a novembro de 2019 mostram que a população desempregada foi de 348,9 mil pessoas, um aumento de 9,8 mil e de 3,6 mil por comparação com novembro de 2018. “Aquele valor representa uma revisão em alta de 0,4% (1,5 mil) da estimativa provisória divulgada há um mês”, acrescenta.

A estimativa rápida revela que em dezembro de 2019, a população desempregada, cuja estimativa provisória foi de 357,7 mil pessoas, teve um acréscimo de 8,8 mil em relação ao mês anterior e de 4,3% 14,8 mil por comparação com o mês homólogo de 2018.

(Atualizado às 11h15)

Ler mais

Relacionadas

Desemprego aumenta 1,5% em dezembro, diz IEFP

No final do mês de dezembro de 2019, estavam inscritos nos Centros de Emprego 310.482 indivíduos, o que corresponde a uma variação homóloga de -8,4% (28.553 pessoas) e a uma variação mensal de 1,5% (4.521 pessoas).

Desemprego avança para 6,7% em novembro

No Orçamento do Estado para 2020 uma previsão de taxa de desemprego global de 6,4% em 2019.
Recomendadas

Endividamento da economia aumentou 3,1 mil milhões de euros em 2019

O endividamento da economia aumentou em termos nominais no final de 2019, face a igual período de 2018. No entanto, em percentagem do Produto Interno Bruto (PIB) caiu de 352,1% para 341,2%.

Dívida pública caiu para 118,2% em 2019, abaixo das estimativas do Governo

A dívida pública na ótica de Maastricht prossegue uma trajetória descendente, já que diminuiu face aos 122,2%, registados em 2018. Fixou-se ainda abaixo dos 118,9% esperados pelo Governo.

Isabel dos Santos impugna arresto de contas bancárias em Portugal

A empresária diz que não consegue pagar salários, ao fisco, Segurança Social e a fornecedores. Adianta ainda que as empresas nas quais detém participação maioritária têm empréstimos por reembolsar, no valor de 180 milhões de euros, tendo já reembolsado 391 milhões.
Comentários