Topo da agenda: o que não pode perder na economia e nos mercados esta semana

A Galp começa a semana com os resultados de 2020 e a primeira teleconferência do novo CEO, Andrew Brown, com os analistas. A EDP também divulga contas, na quarta-feira, e no dia seguinte apresenta o Strategic Update para 2021-2025. Lá fora, destaque para a reunião dos ministros das Finanças e governadores dos bancos centrais do G20.

Segunda-feira, 22 de fevereiro

Evento em destaque: Resultados da Galp e conferência com o novo CEO

A Galp Energia apresenta números do quarto trimestre e de 2020 antes da abertura do mercado. A petrolífera portuguesa terá registado um prejuízo de 8 milhões de euros em 2020, face a um lucro líquido de 561 milhões de euros no ano anterior, segundo a média das estimativas de 21 analistas, penalizado pela quebra da procura e dos preços durante a pandemia.

Às 14h30, o novo CEO da empresa, Andrew Brown, que foi nomeado para o cargo depois da renúncia de Carlos Gomes da Silva, fala em teleconferência com os analistas. No dia 8 de fevereiro, no primeiro dia funções Brown escreveu aos trabalhadores da petrólifera, numa carta em que a palavra “petróleo” não consta, mas que refere de forma clara às “mudanças no nosso sistema energético” e à “transição energética”.  “Honrado” pela nomeação, “com um sentimento de entusiasmo” e “algo intimidado” por ser o primeiro CEO estrangeiro no cargo foram os principais sentimentos expressos pelo novo CEO da Galp.

Outros eventos em foco:

  • Alemanha: Instituto IFO, de Munique, divulga o seu índice de clima económico

 

Terça-feira, 23 de fevereiro

Evento em destaque: Eurostat divulga dados da inflação de janeiro

Depois da estimativa do início do mês que apontou para valores para a inflação na zona euro não vistos no último ano, o gabinete de estatística da UE divulga esta terça-feira os valores consolidados para o índice harmonizado de preços no consumidor de janeiro, o indicador que quantifica a inflação numa determinada economia.

O Banco Central Europeu (BCE) procura assim a confirmação de um resultado animador para o bloco europeu, que tem visto taxas de inflação anémicas que ficam muito aquém dos objetivos de 2%. Os valores estimados pelo Eurostat a 3 de fevereiro mostravam uma subida nos preços na zona euro muito a reboque das economias alemã e holandesa, que registaram variações anuais de 1,6% e 1,7%, respetivamente.

Outros eventos em foco:

  • Audição do Presidente da Comissão Executiva da TAP, Ramiro Sequeiro, Comissão de Economia, Inovação, Obras Públicas e Habitação
  • Audição do Presidente do Conselho de Administração da TAP, Miguel Frasquilho
  • Audição do Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros na Comissão de Negócios Estrangeiros e Comunidades Portuguesas do Parlamento
  • Audição regimental do Ministro da Defesa Nacional na Comissão de Defesa Nacional
  • Reino Unido: Taxa de desemprego em novembro/dezembro
  • EUA: índice de confiança dos consumidores da Consumer Board
  • EUA: Audição semestral do presidente da Reserva Federal, Jerome Powell, no Comité Bancário do Senado

 

Quarta-feira, 24 de fevereiro

Evento em destaque: Resultados da EDP

A energética publica os números de 2020. O consenso dos 16 analistas que publicaram relatórios nos últimos 12 meses aponta para uma estimativa média de EBITDA (lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de 3.604 milhões de euros, face aos 3.706 de 2019.

Em termos de resultado líquido, o consenso aponta para 779 milhões de euros, um subida face aos 512 milhões de euros do ano anterior, um exercício no qual a EDP contabilizou uma provisão de 86 milhões relativa ao projeto hídrico do Fridão, bem como o reconhecimento de uma imparidade de 297 milhões nas centrais a carvão na Península Ibérica.

Outros eventos em foco:

  • INE divulga atividade económica regional no contexto da pandemia COVID-19 , de março a dezembro de 2020
  • EUA: Audição semestral do presidente da Reserva Federal, Jerome Powell, no Comité de Serviços Financeiros da Câmara dos Representantes
  • Nova Zelândia: Reunião trimestral de política monetária do Banco da Reserva da Nova Zelândia
  • EUA: Dados semanais dos inventários de crude
  • Resultados: EDP Renováveis, Corticeira Amorim (Lisboa); Iberdrola, Endesa (Madrid)

 

Quinta-feira, 25 de fevereiro

Evento em destaque: Stilwell d’Andrade apresenta plano estratégico da EDP

O CEO da EDP, que em janeiro foi eleito para um mandato de três anos depois de cinco meses como interino, vai apresentar o plano estratégico até 2025, que deverá ser carregado de energia ‘verde’. Isto quando alguns analistas dizem que avaliações das renováveis são “discutíveis”.

Crescimento na capacidade instalada de energias renováveis, novo guidance sobre o aumento dos resultados operacionais, detalhes acerca do eólico offshore e, porventura, sinais sobre subidas nos dividendos são os principais temas que os analistas esperam ouvir.

Outros eventos em foco:

  • Reunião plenária do Parlamento, para discutir autorização de renovação do estado de emergência
  • EUA: Novos pedidos de subsídio de desemprego
  • Resultados: Millennium BCP (Lisboa); Moderna (Nova Iorque)

 

Sexta-feira, 26 de fevereiro

Evento em destaque: Reunião dos ministros das Finanças e governadores dos bancos centrais do G20

Numa altura em que as discrepâncias entre os programas de vacinação nos países desenvolvidos e nos países em vias de desenvolvimento exemplifica a dimensão assimétrica da crise gerada pela Covid-19, o primeiro encontro entre os responsáveis pela pasta das finanças e pelos bancos centrais das 20 maiores economias do mundo realiza-se de forma virtual e deverá incluir discussões sobre alívio de dívida aos países com maiores dificuldades.

A expectativa quanto a uma decisão sobre diferimentos para os países menos desenvolvidos e com dívidas asfixiantes cresce considerando que esta será a primeira reunião do grupo depois da mudança na Casa Branca. O período de tensões e fraturas entre antigos aliados que a administração Trump promoveu durante o mandato deste dará agora lugar à tentativa de construir pontes que Biden tem anunciado, algo que poderá beneficiar a agenda de alívio da dívida.

Outros eventos em foco:

  • EUA: Dados sobre rendimento pessoal e consumo de janeiro
  • Banco de Portugal divulga nota de informação estatística sobre empréstimos e depósitos bancários
Ler mais

Relacionadas

PremiumStilwell d’ Andrade quer mostrar que o potencial da EDP é indiscutível

A EDP apresenta na próxima semana o plano estratégico até 2025, que deverá ser carregado de energia ‘verde’. Isto quando alguns analistas dizem que avaliações das renováveis são “discutíveis”.

PremiumÚltimo plano da era Mexia foi executado a alta velocidade

O plano apresentado por António Mexia era até 2022, mas a execução rápida permitiu adiantar o calendário. Veja aqui as metas cumpridas.

EDP cria unidades de negócio para explorar hidrogénio verde e armazenamento de energia

O novo braço do grupo dedicado aos projetos de hidrogénio verde chama-se H2 Business Unit (H2BU) e é liderado pela até agora diretora de planeamento energético da empresa, Ana Quelhas.
Recomendadas

Fórum para a Competitividade estima queda de até 8,5% do PIB no primeiro trimestre

“O confinamento mais estrito, somado ao autoconfinamento, terão tido um impacto económico acentuado, visível já nos primeiros indicadores do ano. No turismo, houve deterioração de expectativas, já sem esperança em relação à Páscoa”, argumenta a entidade.

Lisboa Protege. Autarquia disponibiliza 20 milhões de apoio às empresas a partir de hoje

Esta fase do programa está orçada em 35 milhões de euros, sendo que 20 milhões são para os empresários com quebra de faturação superior a 25% nos três primeiros trimestres do ano passado ou na totalidade dos trimestres.

Dívida pública recuou em janeiro depois de ter atingido máximo histórico

A dívida recuou 600 milhões entre dezembro e janeiro refletindo “essencialmente amortizações de títulos de dívida, no valor de 0,3 mil milhões de euros, e a redução de responsabilidades em depósitos no valor de 0,2 mil milhões”, de acordo com o Banco de Portugal.
Comentários