ComparaJá.pt quer recrutar 40 pessoas até ao final do ano

Plataforma gratuita de comparação bancária e telecomunicações quer reforçar equipa em várias áreas.

De forma a dar resposta ao grande crescimento no número de utilizadores da plataforma, o ComparaJá.pt tem em aberto um ambicioso processo de recrutamento de 40 gestores de clientes na área do Crédito à Habitação e das Telecomunicações, o qual deverá ficar concluído até ao final do ano. Este portal gratuito de comparação bancária e telecomunicações procura ainda talentos na área da Comunicação e Marketing.

Contando atualmente com uma equipa de 80 profissionais nos seus escritórios de Alvalade (Lisboa), o ComparaJá.pt caracteriza-se como um agregador e comparador independente que oferece às famílias nacionais a possibilidade de identificar e aderir aos produtos mais adequados para o seu perfil e necessidades, obtendo desta forma poupanças significativas de tempo e dinheiro.

Tendo como foco o universo das Finanças Pessoais, atualmente a plataforma disponibiliza a comparação gratuita de Crédito à Habitação, Cartões de Crédito, Crédito Pessoal, Depósitos a Prazo e Pacotes de Telecomunicações. No entanto, nos próximos meses o ComparaJá.pt deverá alargar a sua atividade aos setores dos Seguros e da Energia.

“Para além das competências inerentes às posições em aberto, para nós é essencial contar com profissionais que tenham uma grande capacidade de trabalho em equipa, que sejam orientados para resultados e que partilhem da nossa filosofia ‘work hard, play hard’”, afirma José Figueiredo, diretor geral do ComparaJá.pt, acrescentado que “Estamos a apostar muito neste processo de recrutamento pois necessitamos mesmo dos melhores talentos de forma a concretizar com sucesso a nossa missão de desenvolver a literacia financeira dos portugueses”.

Os interessados em candidatar-se às vagas em aberto devem consultar a página de recrutamento no site da empresa.

Relacionadas

Quer saber se é um cliente de risco para o seu banco? Simule aqui

Já se questionou porque é que as instituições financeiras lhe pedem comprovativos de IRS e recibos de vencimento quando solicita um financiamento? A verdade é que é através destes documentos que os bancos conseguem calcular a sua taxa de esforço e, assim, decidir se concedem, ou não, o crédito em questão.

Quais os pacotes de telecomunicações mais competitivos?

Tendo por base as preferências dos últimos 100.000 utilizadores do seu simulador gratuito de pacotes de telecomunicações, o ComparaJá.pt distinguiu as ofertas mais competitivas do mercado em seis categorias.

Os 10 melhores depósitos a prazo para 2020

Se pensa constituir uma poupança, descubra qual é o máximo retorno que poderá obter hoje em dia com os melhores depósitos a prazo.

Reforma antecipada: saiba tudo o que mudou em 2020

O ano de 2020 trouxe algumas mudanças no acesso à reforma antecipada. Verifica-se o agravamento do fator de sustentabilidade e é implementado o regime de antecipação que visa beneficiar quem tem longas carreiras contributivas. Neste artigo explicamos-lhe todas as alterações relativas às condições de acesso a esta pensão para este ano.

Certificados de Reforma: o que são e como subscrever?

Investir para a reforma é algo que deve começar cedo, pois trata-se de um investimento a longo prazo e do qual só irá beneficiar provavelmente a partir dos 65 anos de idade. Entre as possíveis alternativas para este tipo de poupança, encontram-se os Certificados de Reforma. Saiba tudo sobre este produto financeiro.

Certificados de aforro: vale a pena subscrever?

Descubra como funciona este produto e quais as condições de subscrição.
Recomendadas

Orçamento de Natal: Não perca as contas às compras

São muitos os consumidores que na azáfama das compras acabam por perder a perceção ao que efetivamente podem gastar, só percebendo mais tarde, do verdadeiro impacto destes gastos no orçamento familiar.

Devo utilizar crédito para fazer compras de natal?

É fácil comprar usando o cartão de crédito ou contratando um crédito. No caso do empréstimo pessoal, este crédito é chamado de fácil aprovação, mas não é barato. As letras miudinhas, pouco claras, desincentivam a leitura dos contratos e dificultam (muito!) a explicação dos encargos elevados que terá de pagar. As palavras “custos” e “juros” estão sempre presentes, pelo que o consumidor deve pensar duas vezes antes de usar o cartão ou o crédito pessoal para fazer as compras de Natal.

Salários até aos 686 euros ficam isentos de IRS em 2021

Retenção de IRS começa para quem ganha mais de 686 euros. Alívio no imposto do próximo ano que reflete a redução as taxas de retenção na fonte do IRS no início de 2021. Medida abrange dois milhões de contribuintes e contempla uma redução média (e progressiva) de 2% nas retenções. Trabalhadores dependentes já podem calcular quanto irão descontar todos os meses.
Comentários