PremiumPRR: Ferrovia e estradas com 1,8 mil milhões de euros

As expansões dos Metros de Lisboa e do Porto até Alcântara e às Devesas ganham novo fôlego, com um investimento previsto superior a 600 milhões.

Só para o setor das infraestruturas ferroviárias e rodoviárias, o Governo português vai apresentar a Bruxelas candidaturas a investimentos no valor conjunto de 1.865 milhões de euros no âmbito da última versão do PRR – Plano de Recuperação e Resiliência, da autoria do professor António Costa Silva, a qual foi apresentada publicamente na passada quarta-feira por António Costa.

De acordo com este último draft, que terá sido entregue ontem pelo Executivo português à Comissão Europeia (CE), mantém-se a aposta prioritária na ferrovia, com cinco projetos estruturantes, no valor agregado de investimento de 1.033 milhões de euros, totalmente comparticipado pelos fundos comunitários, para mitigação dos impactos negativos da pandemia.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

Topo da agenda: o que vai marcar a atualidade esta quinta-feira

O tema em destaque nesta quinta-feira é a reunião com os governadores do Banco Central Europeu. Na Assembleia da República o dia ficará marcado pelas audições ao Tribunal de Contas e ao ministro da Ciência sobre o Orçamento do Estado para 2021. O INE vai publicar estatísticas relativamente às empresas, ao turismo e desemprego.

Corrida à liderança da OCDE gera tensões entre EUA e Europa

A nomeação para o cargo poderá, segundo alguns analistas e políticos próximos da organização, definir o futuro da globalização. As diferentes preferências europeias e americanas podem levar a mais um foco de tensão entre os dois blocos, sendo que, caso Joe Biden vença, levanta-se a questão sobre a sua escolha para o cargo, que deverá diferir da expressa pelo presidente Trump.

Portugal deverá ter quebra na produção de azeite na campanha de 2020/2021

As perspetivas de produção em Portugal na campanha olivícola de 2020/2021, que arrancou em meados deste mês, apontam para 100 mil toneladas de azeite, disse hoje à agência Lusa o diretor executivo da Olivum – Associação de Olivicultores do Sul, Gonçalo de Almeida Simões.
Comentários