PSI20 fecha em alta ajudado pela Altri e EDP

Praça lisboeta terminou a sessão a valorizar 0,81%, para 4.624,57 pontos nesta quarta-feira. Praças europeias fecham mistas.

Reuters

O principal índice bolsista português, PSI 20, terminou a sessão desta quinta-feira, a valorizar 0,81%, para 4.624,57 pontos, enquanto as praças europeias fecharam mistas.

A fazer subir o PSI 20 estiveram entre as principais cotadas portuguesas a Altri que cresce 3,11%, para 4,83 euros, o BCP que impulsiona 1,01%, para 0,12 euros e a EDP Renováveis que valoriza 1,73%, para 17,68 euros.

Em terreno positivo encontram-se também a Corticeira Amorim que sobe 0,19%, para 10,32 euros, a Mota-Engil que cresce 1,14%, para 1,941 euros e a Navigator que sobe 1,19%, para 2,55 euros.

A negociar com sinal ‘vermelho’ no fecho da sessão estiveram a Jerónimo Martins que cai 1,00%, para 13,92 euros, os CTT que descem 1,39%, para 2,48 euros e a petrolífera Galp que deprecia 0,18%, para 9,04 euros.

As bolsas europeias encerraram mistas. “Os investidores estão com grande expectativa num anúncio de programas de estímulo económico e depois dos fortes ganhos em novembro é natural que possa haver aqui uma espécie de wait and see, uma vez que o BCE comunica as suas decisões de política monetária no dia 10 e a Fed a 16 de dezembro. Para já chegou a nota de que o Reino Unido se tornou o primeiro a aprovar a vacina da Pfizer contra o coronavírus”, refere o analista de mercados do Millenium investment banking, Ramiro Loureiro.

Nas principais bolsas europeias, na Alemanha, o DAX desce 0,55%, no Reino Unido, o FTSE 100 sobe 1,18%, o francês CAC 40 valoriza 0,03%. Em Espanha, o IBEX35 cresce 0,96% e em Itália o FTSE MIB cai 0,59% e o holandês AEX desvaloriza 0,08%.

A cotação do barril de Brent valoriza 2,30%, com valor de 48,51 dólares, enquanto a cotação do crude WTI cresce 2,56%, para 45,63 dólares por barril.

No mercado cambial o euro valoriza 0,17%, para 1,20 dólares.

Ler mais

Recomendadas

Wall Street encerra no verde em dia de tomada de posse do novo presidente dos EUA

A tendência de ganhos em Wall Street prossegue no dia de tomada de posse do novo presidente dos EUA, Joe Biden.

Bolsa de Lisboa é a única que cai na Europa

As valorizações da EDP Renováveis e da Galp de mais de 1% não evitaram a queda do índice lisboeta. Europa fecha no verde.

Wall Street abre em alta no dia da tomada de posse de Biden

Resultados da banca acima do esperado e sinal de que Joe Biden vai estimular a economia norte-americana está a animar a bolsa de Nova Iorque.
Comentários