Alemanha ultrapassa a barreira de um milhão de casos de infeção

A Alemanha prolongará até ao início de janeiro as restrições contra a covid-19, incluindo o encerramento de bares e restaurantes e restrições aos participantes em reuniões privadas, anunciou na quarta-feira à noite a chanceler alemã, Angela Merkel.

A Alemanha ultrapassou a barreira de um milhão de casos da covid-19 desde o início da pandemia, anunciou hoje o Instituto Robert Koch (RKI).

Nas últimas 24 horas o gigante europeu contabilizou mais 22.806 casos da doença e 426 mortos. No total, desde o início da pandemia, a Alemanha registou 1.006.394 casos e 15.586 mortos.

A região do estado da Renânia do Norte-Vestefália, a mais populosa da Alemanha, é que tem mais casos registados: mais de 250 mil, à frente da Baviera, com quase 198 mil pessoas infetadas, e Baden-Württemberg (quase 143 mil).

Em Berlim, foram diagnosticadas cerca de 62 mil infeções.

A Alemanha prolongará até ao início de janeiro as restrições contra a covid-19, incluindo o encerramento de bares e restaurantes e restrições aos participantes em reuniões privadas, anunciou na quarta-feira à noite a chanceler alemã, Angela Merkel. “Ainda temos de fazer esforços (…) o número de infeções diárias é ainda demasiado elevado”, disse Merkel após mais de sete horas de discussões com os líderes dos 16 estados regionais alemães.

As restrições decididas numa reunião anterior em novembro continuarão, portanto, a aplicar-se até ao início de janeiro, a menos que tenhamos haja uma inesperada da taxa de infeção, “mas isso é improvável nesta fase”, explicou Merkel.

Os bares, restaurantes, espaços culturais e clubes desportivos deverão permanecer fechados durante mais de um mês. As estâncias de esqui permanecerão fechadas e o acesso às lojas também será restrito, com um número limitado de clientes, dependendo da sua dimensão.

A Alemanha é o sexto país europeu a atingir a marca de um milhão de infetados pelo vírus, sendo que a Rússia lidera a tabela de países europeus com mais infetados, somando 2.215.533. Além destes dois, também França, Espanha, Reino Unido e Itália superaram a barreira de um milhão de casos.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.422.951 mortos resultantes de mais de 60,4 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP. Em Portugal, morreram 4.209 pessoas dos 280.394 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Ler mais
Recomendadas

Aplicação Stayaway gerou mais de 12 mil códigos num universo de 500 mil novas infeções

Os 12.050 códigos foram gerados pelos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, sendo que destes os utilizadores introduziram 2.804 na aplicação.

Portugal regista novo recorde de casos e vítimas mortais por Covid-19

As autoridades sanitárias contabilizaram mais 6.493 pessoas recuperadas nas últimas 24 horas, elevando para 428.364 o número total de pessoas livres do vírus.

PSD exige encerramento das escolas devido ao aumento dos casos de Covid-19

Para o líder da distrital do PSD em Lisboa, Ângelo Pereira é preciso “fazer tudo o que nos for possível para proteger a vida dos portugueses”. “Isso implica obviamente fechar as universidades, as escolas secundárias”, completa
Comentários