Covid-19: Mais de 373 mil mortos e de 6,2 milhões de infetados em todo o mundo

A pandemia de Covid-19 já provocou pelo menos 373.439 mortos em todo o mundo e mais de 6,2 milhões de infetados, de acordo com um balanço da AFP feito a partir de dados oficiais.

O balanço, com dados referentes às 19:00 TMG (20:00 em Lisboa) de hoje, regista 6.220.110 casos oficialmente diagnosticados e contabilizados em 196 países e territórios desde o início da pandemia provocada pelo novo coronavírus Sars-Cov-2, detetado em dezembro de 2019 em Wuhan, na China.

Pelo menos 2.599.500 doentes já foram dados como recuperados.

Os números refletem apenas parcialmente a realidade, uma vez que há países que apenas testam casos graves e os países pobres têm capacidade de testagem limitada.

A contagem feita pela AFP aponta mais 2.739 óbitos e 106.849 casos de infeção em todo o mundo face ao balanço de domingo.

Os países que registaram mais óbitos foram os Estados Unidos (607), o Brasil (480) e a Índia (230).

Os EUA são o país mais afetado tanto em número de casos como de mortes, com 104.658 óbitos e 1.797.457 casos de infeção. Pelo menos 444.758 doentes já foram dados como recuperados.

Depois dos Estados Unidos, seguem-se na lista dos países mais afetados pela Covid-19 o Reino Unido, com 39.045 mortos e 276.332 casos; a Itália, com 33.475 mortos e 233.197 casos; o Brasil, com 29.314 mortos e 514.849 casos; e a França com 28.883 mortos e 189.220 casos.

A Bélgica é o país com maior número de óbitos por cada 100 mil habitantes (82), seguindo-se a Espanha (58), o Reino Unido (58), a Itália (55) e a França (44).

A China, excluindo os territórios de Hong Kong e Macau, regista 83.017 casos de infeção, 16 dos quais registados entre domingo e hoje, para além de 4.634 mortos (nenhum nas últimas 24 horas) e 78.307 recuperados.

Às 19:00 TMG de hoje a Europa contabilizava 179.040 mortos entre 2.166.993 casos de Covid-19; os EUA e o Canadá 112.038 mortos em 1.889.104 casos; a América Latina e as Caraíbas 51.658 mortos entre 1.029.284 casos; a Ásia 16.629 óbitos entre 560.866 casos; o Médio Oriente 9.628 mortos entre 413.951 casos; África com 4.314 mortos em 151.339 casos; e a Oceânia 132 mortos em 8.574 casos.

O balanço da AFP é feito com base em dados oficiais recolhidos junto de autoridades nacionais competentes e dados da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Ler mais
Recomendadas

Professores dizem que orientações da tutela são insuficientes

Os professores querem a abertura de um processo negocial para tratar das condições de trabalho necessárias aos regimes previstos para o próximo ano letivo, seja o presencial, o misto ou o regime não presencial, de acordo com um comunicado hoje divulgado por aquela estrutura.

Medição de temperatura pode criar “constrangimentos” no aeroporto de Lisboa

A ANA reconhece que a medição da temperatura dos passageiros pode causar “alguns constrangimentos em momentos de maior concentração” de voos de chegada no aeroporto de Lisboa.

Bill Gates pede que fármaco contra Covid-19 seja distribuído “entre quem mais precisa” e não ao “maior licitador”

“Precisamos que os líderes tomem essas decisões difíceis sobre a distribuição com base no património, e não apenas em fatores orientados pelo mercado”, explicou numa conferência que tinha a Covid-19 como tema central do debate.
Comentários