Mapa dos locais onde os “coletes amarelos” ameaçam parar Portugal

As manifestações desta sexta-feira vão decorrer em vários pontos do país e serão monitorizadas pela PSP e GNR que já adoptaram um dispositivo de segurança adequado a cada uma das ações que venham a decorrer de Norte a Sul do país, sob o lema “Vamos parar Portugal como forma de protesto”.

Relacionadas

Coletes Amarelos: GNR anuncia “particular atenção” nos acessos a Lisboa e Porto

GNR anuncia pontos onde vai ter “particular atenção” em Lisboa e no Porto, sem nunca mencionar o protesto dos Coletes Amarelos.

25 protestos em 17 cidades: onde vão estar os Coletes Amarelos esta sexta-feira?

Estes são os locais onde poderão ocorrer constrangimentos na circulação automóvel, e que são da área da responsabilidade da polícia.

Da exaltação à expectativa: O que dizem os políticos sobre a manifestação dos Coletes Amarelos?

A manifestação está agendada para esta sexta-feira. Os protestos prometem “parar Portugal”, bloqueando vários pontos do país ou cortando os principais acessos a Lisboa, como a Ponte 25 de Abril.

Coletes Amarelos exigem salário mínimo de 700 euros, menos impostos e corte nas reformas douradas

A manifestação nacional, inspirada no movimento em França, está agendada para esta sexta-feira, 21 de dezembro, e promete parar o país. Movimento dos Coletes Amarelos Portugal reúne lista de reivindicações em manifesto que pretende dar voz a insatisfeitos com problemas do país. E assegura que acções só param quando exigências forem atendidas.
Recomendadas

Arte: China mantém apetite por obras de luxo

A China segurou a segunda posição dos maiores mercados de arte. Uma revolução cultural conquistada ao longo das últimas décadas. Em 1949 o colosso asiático tinha duas dezenas de museus. Hoje em dia, são mais de três mil, com uma abertura, em média, de 200 por ano. Este número é cinco vezes superior às inaugurações que aconteceram em território americano antes do ‘crash’ de 2008.

Mercado: jogadores que mais valorizaram com o treinador Bruno Lage

Promovido em janeiro, Bruno Lage passou pelo Seixal e levou para a Luz os ‘miúdos’ que revolucionaram o futebol do Benfica e transformaram a equipa numa máquina de marcar golos. Entre os cinco jogadores que mais valorizaram no plantel desde 3 de janeiro deste ano, estão dois juniores que ‘sentaram’ veteranos e um diamante que só precisava da titularidade para ‘explodir’.

Sardinha: capturas estão abaixo das 10 mil toneladas pela primeira vez

As capturas nacionais têm vindo a diminuir e, no ano passado, o valor atingiu o mais baixo desde que há registo. No território nacional, os pescadores portugueses já não podem pescar tanta sardinha como antigamente. As quotas de pesca estão fixadas pela Comissão Europeia. Ainda assim, as zonas do Centro e do Norte do País lideram a apanha do peixe mais consumido nos Santos Populares.
Comentários