Prisma
Mais artigos

A violência verbal de Trump, as cartas-bomba e o ataque à sinagoga. Relação causa/efeito?

Recrudescimento da violência politicamente motivada intensificou o debate em torno da retórica do presidente dos EUA. “A linguagem polarizadora, xenófoba, racista e anti-semita de Trump aciona pessoas loucas”, salienta Hélène Landemore, professora de Ciência Política na Universidade de Yale.

“Economia circular”: Alternativa ao modelo de extração, consumo e descarte intensivos dos recursos

A associação Circular Economy Portugal quer “contribuir para uma sociedade sem desperdício” e “acelerar a transição para uma ‘economia circular’ em Portugal”. As três diretoras – Lindsey Wuisan, Andreia Barbosa e Marta Brazão – explicam o conceito e descrevem os projetos lançados.

“Mulher não entra” como oradora? As justificações dos organizadores de conferências

Questionados sobre a desigualdade de género na seleção de oradores para conferências, os respetivos organizadores apresentam as suas justificações: “quantidade não significa qualidade”, “não definimos quotas”, “motivos de agenda”, “os melhores ‘experts’ em cada área”, etc.

Alunos de Geografia identificam problemas locais e apresentam soluções no projeto “Nós Propomos!”

Cerca de 50 escolas aderem à iniciativa que visa promover uma efetiva cidadania territorial local. Algumas propostas são implementadas pelas autarquias e muitos problemas acabam por ser resolvidos. Os jovens adquirem “uma nova consciência cívica e política”, enaltece o professor Sérgio Claudino.

Ana Brazão do GEOTA: “Temos que desmistificar o papel das barragens na luta contra as alterações climáticas”

Engenheira ambiental e coordenadora do projeto Rios Livres do GEOTA, Ana Brazão diz que as barragens emitem gases com efeito de estufa e alerta para o impacto nos ecossistemas dos rios que “são hoje os ‘habitats’ mais ameaçados do planeta”. Em alternativa, defende a aposta na eficiência energética. E antecipa a 2ª Cimeira Europeia dos Rios que vai realizar-se no Porto, em 2020.

A importância do “jornalismo lento” como impulsionador do “pensamento crítico sobre o que nos rodeia”

Quiosque Manifesto organiza palestra sobre o “jornalismo lento”, com um dos editores da revista “Delayed Gratification”, precursora desse conceito. A coordenadora Inês Catarina Pinto refuta a “morte do papel”, diz que “estamos a viver uma época de ouro das publicações independentes” e enaltece a “valorização da informação como conhecimento”.

Como fomentar a participação de jovens em atividades cívicas e políticas

“Utilizar novas formas de fazer e de comunicar politicamente e fazendo da proximidade uma nova forma de estar em política”, sugere Margarida Balseiro Lopes. “A política pública mais eficaz para fomentar um espírito crítico aberto ao confronto de ideias é reformar a escola”, defende Luís Monteiro. “Partidos devem abrir-se mais à participação dos jovens e às nossas exigências”, sublinha Paulo Muacho.

A violência doméstica continua a matar mulheres. “Números preocupantes”, “impunidade” e “relações de poder”

Relatório da UMAR indica que, nos primeiros seis meses de 2018, foram assassinadas mais 16 mulheres, vítimas de violência doméstica. Nos últimos 14 anos registaram-se 488 vítimas mortais no total, deixando mais de mil crianças órfãs. Deputadas do PS questionam ministros sobre o que pode ser feito ao nível da prevenção e combate. PpDM alerta para um problema mais vasto de violência contras as mulheres.

A nova lei que consagra “Israel como Estado-nação para o povo judaico” institui um regime de “apartheid”?

O Knesset aprovou a “Lei básica: Israel como Estado-nação para o povo judaico”, determinando que o povo judaico “tem um direito exclusivo à auto-determinação nacional”. Mais, Jerusalém “unida” é a capital e o hebraico é a única língua oficial. Com que implicações para o processo de paz israelo-palestiniano?

Alterações climáticas: “Portugal e os restantes países mediterrânicos são dos mais vulneráveis”

O geofísico Pedro Matos Soares alerta para a iminência de um “ponto de não retorno” no aquecimento global que vai comprometer a viabilidade de muitas sociedades. Critica a inação dos decisores políticos e sublinha: “Temos que forçar uma transição energética muito mais célere para as energias renováveis”.

Ramón Spaaij: “Os ‘hooligans’ praticam violência como forma de demonstrarem a sua masculinidade tóxica”

Professor de Sociologia do Desporto na Universidade de Amesterdão, Spaaij tem vários trabalhos de investigação publicados sobre “hooliganismo” e violência no futebol. Em entrevista, diz que o caso de Bruno de Carvalho “não é um fenómeno novo” e considera que o ataque ao centro de treinos “não parece enquadrar-se na maior parte das noções legais de terrorismo”.

Geoff Pearson: “Membros de claques condenados por atos de violência devem ser banidos dos estádios”

Professor de Direito Penal na Universidade de Manchester, especializado em “hooliganismo”, Pearson diz que o caso de Bruno de Carvalho é inédito no futebol mundial, mas não as eventuais acusações de terrorismo. E defende o banimento de adeptos violentos.

Empresas do PSI-20. Em 204 cargos de administração contam-se 162 homens e 42 mulheres

Após 11 meses de vigência da nova lei que estabeleceu uma quota de 20% de representação mínima de cada sexo nos conselhos de administração, seis das empresas cotadas no PSI-20 ainda não cumprem essa regra (e duas mantêm conselhos exclusivamente masculinos).

Os imigrantes cometem mais crimes, a “invasão” em curso e outros “factos alternativos” de Trump

Na antecâmara das eleições intercalares, o presidente Donald Trump intensificou o discurso anti-imigração, ao ponto de lançar um vídeo no qual se associa um homicida de polícias à caravana de migrantes da América Central. Contudo, vários estudos demonstram que a taxa de criminalidade dos imigrantes ilegais é menor do que a dos nativos norte-americanos.

Dia Global da Dignidade. “A nossa própria dignidade é dependente da dignidade do ‘outro'”

Envolve centenas de milhares de jovens em dezenas de países de todo o mundo, incluindo Portugal. O Dia Global da Dignidade consiste em sessões de debate e reflexão nas escolas, promovidas por voluntários que explicam aos alunos o conceito de dignidade e outros direitos humanos. Saliu Djau esteve em escolas de Caxias e da Damaia e faz “um balanço positivo” da iniciativa.

Dicionário político: “Spitzenkandidaten”, “Gerrymandering” e “Bancada BBB”

O novo presidente da Comissão Europeia será escolhido através do método “Spitzenkandidaten”. O Partido Democrata não elegeu mais representantes nas eleições intercalares dos EUA por causa da prática de “Gerrymandering”. No Brasil, o poder do recém-eleito presidente Jair Bolsonaro dependerá da “Bancada BBB”. Conhece a origem e o significado destas três expressões?
Ver mais artigos