Educação

Instituições de ensino e formação procuram combinação virtuosa entre presencial e online

Na mesa redonda do JE sobre Os Desafios da Formação em Portugal, esta sexta-feira, Manuel Fontaine, diretor da Escola do Porto da Faculdade de Direito da Universidade Católica, e Jorge Conde, presidente do Politécnico de Coimbra, revelam como estão a preparar o próximo ano letivo. Jorge Lopes, diretor da Rumos Formação, diz ter a expectativa de que as empresas portuguesas voltem a investir em formação e a Rumos está preparada para responder.

Da sala de aula para o ensino a distância: três exemplos de adaptação em tempo recorde

Jorge Conde, presidente do Politécnico de Coimbra, Jorge Lopes, Diretor da Rumos Formação, e Manuel Fontaine, Diretor da Escola do Porto da Faculdade de Direito da Universidade Católica, contam como as suas instituições enfrentaram e venceram a pandemia da Covid-19. Foi esta sexta-feira, 30 de julho, na mesa redonda Os Desafios da Formação em Portugal, promovida pelo Jornal Económico.

Quais são os desafios da formação em Portugal? Veja a conferência do JE

Nesta mesa-redonda será abordada a resposta que as organizações tiveram à pandemia de Covid-19, mas também serão discutidos os ensinamentos que resultaram dos processos de reação à adversidade e debatidos os desafios que o sector da formação, de forma alargada, antevê para o próximo ano letivo e para o período pós-pandemia.

Quais são os desafios da formação em Portugal? Veja a conferência do JE esta sexta-feira a partir das 12h

A mesa-redonda sobre “Os Desafios da Formação em Portugal” será transmitida através da plataforma multimédia JE TV, no site do JE, e das contas do JE nas principais redes sociais, a partir das 12h00, e prolonga o trabalho feito no “Quem é Quem do Sector da Formação em Portugal”, distribuído com a última edição do Jornal Económico.

Maioria dos professores ouvidos pela FNE regista excesso trabalho no último ano letivo

O ano letivo passado, que terminou no início de julho, voltou a ser marcado pela pandemia da covid-19. Depois de, em março de 2020, famílias e professores terem sido apanhados de surpresa pelo encerramento das escolas, em setembro todos antecipavam outro ano letivo atípico.

Governo vai criar 500 vagas no Ensino Superior para alunos em zonas desfavorecidas (com áudio)

Esta é uma medida que já estava prevista no Plano Nacional de Combate ao Racismo e à Discriminação 2021-2025, que esteve em discussão pública entre maio e abril.
Ver mais artigos