Juncker: “Precisamos de uma maior proteção das nossas fronteiras externas”

O presidente da Comissão Europeia apelou à unidade europeia e no último discurso sobre o Estado da União. Leia aqui as frases chave da sua intervenção.

Jean Claude Juncker
Ler mais

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, apelou à unidade europeia e no último discurso sobre o Estado da União deixou vários recados sobre as ameaças internas e os desafios externos. Eis algumas das frases-chave da sua intervenção, que decorre ao longo da manhã desta quarta-feira.

“Não iremos militarizar a União Europeia [UE], aquilo que pretendemos é tornar a Europa mais forte.”

“O que interessa aos cidadãos da Europa é que os gigantes tecnológicos paguem impostos. Os eleitores querem que esta proposta seja legislada e têm toda a razão.”

“Temos que acabar com a mudança da hora e os Estados-membros têm que tomar essa decisão: se pretendem viver no horário de verão ou no horário de inverno”

“Não aceito que a Comissão seja responsabilizada por todas as dificuldades [sobre a crise migratória]”

“Precisamos de uma maior proteção das nossas fronteiras externas”

“O reenvio de imigrantes ilegais deve ser acelerado”

“Pedimos ao governo britânico que compreenda que não pode ter a mesma posição privilegiada de que se fizesse parte da UE”

“O Reino Unido será sempre um parceiro muito próximo”

“Devemos poder decidir em matéria de política externa europeia por maioria qualificada”

“A diplomacia europeia deve ser uma, e a nossa solidariedade multilateral plena”

“Os acordos de justiça da UE não são uma opção, mas uma obrigação”

“Gostaria que disséssemos não aos nacionalismos”

Relacionadas

Assista aqui em direto ao discurso de Juncker sobre o Estado da União

A oito meses das eleições europeias de maio de 2019, o Parlamento Europeu vai debater o estado da União Europeia (UE) com o presidente da Comissão, que fará o seu quarto e o último discurso sobre o estado da mesma.

Juncker vai propor criação de uma polícia costeira comum

Segundo a agência de notícias espanhola Efe, que teve acesso ao rascunho da intervenção do presidente da Comissão Europeia, este vai propor uma polícia comunitária costeira, que permita que as autoridades nacionais tenham apoio da CE no terreno.

Juncker faz hoje o último discurso sobre o estado da União

O discurso sobre o estado da União deste ano reveste-se de especial importância não apenas por ser o último discurso do luxemburguês à frente da Comissão, mas também porque é o ultimo antes das eleições europeias.
Recomendadas

Índices de Aceitação e de Oposição: PS votou a favor de mais diplomas do PSD do que do PCP

Plataforma Hemiciclo acaba de lançar uma nova funcionalidade: os Índices de Aceitação e de Oposição que registam o número de vezes que uma determinada bancada parlamentar votou a favor ou contra diplomas de cada uma das outras bancadas. Entre os dados compilados destacam-se algumas surpresas.

Santana quer Aliança entre “maiores partidos e aumentar “mercado eleitoral” do centro-direita

“Se tiver no mercado eleitoral, em vez de duas ofertas, três ofertas válidas, há condições para esse espaço político conseguir mais votos do que só com duas”, garantiu Pedro Santana Lopes.

Rui Rio diz que “não ficaria surpreendido” com a recondução de Joana Marques Vidal

Líder do PSD salienta que tem feito “um esforço muito grande não pela não politização, mas pela não partidarização” da nomeação para a Procuradoria-Geral da República.
Comentários