Limpeza de caminhos florestais já chegou aos 150 km na Madeira

A mais recente intervenção decorre no caminho florestal entre a Achada do Vigário e o Miradouro do Cabeço das Voltas.

A limpeza de terrenos florestais, efetuada pelo Governo Regional, atinge sensivelmente os 150 km por ano, anunciou Susana Prada, secretária regional do Ambiente e Recursos Naturais. Atualmente o executivo procede à limpeza de mais 7,500 metros entre a Achada do Vigário e o Miradouro do Cabeço das Voltas.

Este trabalho, explicou a governante insere-se na estratégia do executivo que visa prevenir os incêndios florestais.

“Esta intervenção tem o objetivo de proteger as pessoas e bens com a melhoria das condições de vigilância e combate a incêndios”, clarificou Susana Prada.

A limpeza que está a ser efetuada entre a Achada do Vigário e o Miradouro do Cabeço das Voltas inclui a remoção de espécies invasoras altamente combustíveis, a compartimentação do espaço florestal, a criação de aceiros, e a melhoria nos acessos das viaturas de vigilância e combate a incêndios e da Torre de Vigilância do Cabeço das Voltas.

Recomendadas

“A política de Costa com a Madeira está a dar trunfos ao PSD”, defende Alberto João Jardim

O antigo presidente do Governo Regional diz que têm sido trunfos indiscutíveis em que a opinião pública percebe tudo.

Madeira pede alteração da lei das finanças locais para receber totalidade dos impostos da região

A Madeira considera inadmissível a ingerência do Governo da República nos orçamentos da região.

Funchal abre candidaturas para atribuição de 100 hortas municipais

A autarquia do Funchal atribuiu 29 hortas municipais decorrentes do processo de actualização desencadeado pelos serviços camarários.
Comentários