BE contra interrupção do ferry

O partido defende uma ligação ferry o ano inteiro defendendo que esta é auto-sustentável se não se criarem obstáculos artificiais.

O BE manifestou-se contra a interrupção do ferry entre a Madeira e o Continente.

“Uma ligação marítima de passageiros é um serviço público que já demonstrou no passado e novamente este ano ter adesão dos madeirenses e de forasteiros. Esta modalidade alternativa de transporte de mercadorias é uma mais-valia para a economia regional”, defendem os bloquistas.

Para o BE Madeira deve existir uma ligação ferry “todo o ano” que realça que esta é auto-sustentável se não se “obstáculos artificiais” defendendo que a Região deve considerar gerir este serviço directamente ou através de uma empresa pública.

Os bloquistas vão juntar-se a uma manifestação, à entrada do porto, a partir das 17h30.

Recomendadas

Música e poesia juntas na Feira do Livro do Funchal

A Feira do Livro vai estar disponível na Avenida Arriaga até ao dia 2 de junho, com lançamentos de livros, encontros literários, concertos e teatros. Também há um espaço dedicado ao público infanto juvenil no Largo da Restauração.

Instalações florais vão decorar a cidade do Funchal até domingo

As Charolas em Flor, à entrada do Cais da cidade são a principal marca deste circuito e acabam por dar as boas-vindas a quem visita a ilha. Ao longo da Avenida e junto à Praça do Mar, a aposta incide num jardim ao vivo, sendo que, à entrada da Assembleia Legislativa Regional, lança-se um convite à interação do público.

PSD afirma que é preciso garantir que a Madeira continue bem representada na Europa

A candidata do PSD Madeira ao Parlamento Europeu disse que vai continuar a trabalhar para que se a continue a ter uma melhoria das condições económicas e sociais da Madeira.
Comentários