Cabo Verde e Timor preparam fórum de inspetores da segurança alimentar e atividades económicas

A autoridade de inspeção timorense está na Praia para assinar um protocolo com IGAE. Em cima da mesa vão estar também os desafios do FISAAE, que congrega todos os serviços de inspeção da segurança alimentar e das atividades económicas da CPLP.

A Autoridade de Inspeção e Fiscalização das Atividades Económicas e de Segurança Alimentar (AIFAESA) de Timor Leste realiza, entre esta segunda-feira e amanhã, uma visita a Cabo Verde para assinar um protocolo com a Inspeção-Geral das Atividades Económicas (IGAE).

De acordo com uma nota da IGAE enviada à Inforpress, o objetivo desta visita prende-se com a necessidade destas duas entidades debruçarem sobre um protocolo de cooperação e fazer uma reunião bilateral.

Em cima da mesa vão estar também os desafios do Fórum das Inspeções da Segurança Alimentar e da Atividades Económicas (FISAAE), que congrega todos os serviços de inspeção da segurança alimentar e das atividades económicas da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), atualmente presidida pela AIFAESA, de Timor Leste.

A delegação da AIFAESA que voou até à Praia é chefiada pelo seu coordenador, Abílio Oliveira Sereno, pelo diretor da Administração e Finanças, Joanico da Costa Soares, e por Gabriel da Costa, igualmente membro da direção.

O primeiro FISAAE foi realizado na cidade da Praia, em 2013, seguindo-se uma segunda edição em 2014 em Moçambique. A terceira edição ocorreu em Lisboa, em 2015, e a quarta aconteceu em 2016 na sede da CPLP. Já o quinto FIAASE-CPLP, por seu lado, foi realizado em Díli (Timor Leste) em 2018, sob o lema “Um Melhor Recurso e Cooperação para uma Excelente Inspeção de Segurança Alimentar e das Atividades Económicas”.

Recomendadas

Empresários russos interessados em investir nas pescas em Cabo Verde

“Ficaram de fazer uma visita a Cabo Verde antes do final do ano para recolherem dados mais precisos e assim poderem preparar o seu projecto definitivo”, disse o ministro do Turismo e da Economia Marítima cabo-verdiano.

Presidente promulga com “dúvidas” venda de banco da Caixa em Cabo Verde

A CGD está a vender o Banco Comercial do Atlântico, um dos dois detidos pelo grupo bancário público em Cabo Verde, mantendo a sua participação no banco Interatlântico.

Ilha do Fogo vai acolher 10ª reunião do Conselho de Ministros do Turismo da CPLP

“Cabo Verde tem feito o gesto de abrir cada vez mais a nossa fronteira com a isenção de vistos, mas ainda estamos longe de ter este nível de correspondência dos demais países”, diz o ministro do Turismo cabo-verdiano.
Comentários