Carlos Mineiro Aires reeleito Bastonário da Ordem dos Engenheiros

Mineiro Aires, candidato pela Lista A, venceu com 79,1% dos votos, já Paulo Bispo Vargas, candidato da Lista B, somou 20,9%.

Carlos Mineiro Aires foi reeleito Bastonário da Ordem dos Engenheiros para o triénio 2019-2022. A tomada de posse oficial será no dia 25 de março.

A acompanhar o Bastonário, eleito pela primeira vez em 2016, estão Fernando de Almeida Santos e Lídia Santiago, na qualidade de vice-presidentes nacionais.

Também nas Regiões a vitória pertenceu à Lista A. Na Região Norte da Ordem dos Engenheiros foi eleito Joaquim Poças Martins para presidente do Conselho Diretivo Regional. O centro do país elegeu Armando da Silva Afonso, enquanto os engenheiros do Sul votaram em Jorge Grade Mendes. Os presidentes eleitos na Madeira e nos Açores são, respetivamente, José Brazão da Silva Branco e Paulo Botelho Moniz.

A Assembleia de Representantes é presidida por Fernando Santo, bastonário da Ordem entre 2004 e 2010, e candidato ao cargo pela Lista A.

A Ordem dos Engenheiros apurou 6.312 votos, dos quais 5.934 foram exercidos por votação eletrónica, seguidos dos votos presenciais e só depois a votação por correspondência.

Recomendadas

AICEP justifica queda nas exportações para a China com mudanças na Autoeuropa

O presidente da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP), Luís Filipe de Castro Henriques, justificou hoje a queda nas exportações portuguesas para a China com mudanças na produção da Autoeuropa.

PremiumSociedades anónimas têm quatro dias para identificar acionistas

Incumprimento pode determinar exoneração da qualidade de acionista. Advogados apontam contradições com proteção de dados

Centeno diz que 72% dos precários tiveram ‘luz verde’ para ingressar no Estado

O ministro das Finanças, Mário Centeno, disse esta sexta-feira no parlamento que 72% dos trabalhadores que recorreram ao programa de regularização extraordinária dos vínculos precários do Estado (PREVPAP) tiveram parecer favorável, recusando que haja atrasos no processo.
Comentários