Vaticano e China assinam acordo para a nomeação de bispos católicos romanos

O acordo conjunto foi alcançado este sábado, 22 de setembro, sobre a nomeação de bispos católicos romanos, embora alguns críticos afirmem que o mesmo é vendido ao governo comunista.

Tony Gentile / Reuters

O Vaticano e a China chegaram a um acordo para a nomeação de bispos católicos romanos, revela a agência “Reuters”. O acordo provisório, assinado em Pequim por vice-presidentes de ambos os lados, foi anunciado aquando da visita do Papa Francisco à Lituânia, numa viagem de quatro dias aos países bálticos.

O Vaticano referiu que este acordo “não é político, mas pastoral”. O Vaticano terá agora uma palavra a dizer na nomeação dos bispos e concede ao Papa Francisco, o poder de veto sobre os candidatos. Cerca de 12 milhões de católicos da China estão divididos entre uma igreja na qual juram lealdade ao Vaticano e a Associação Patriótica Católica, supervisionada pelo Estado.

A possibilidade de tal acordo dividiu comunidades de católicos em toda a China, alguns dos quais temem uma maior repressão, caso o Vaticano ceda mais controlo a Pequim.

Recomendadas

Movimento dos ‘coletes amarelos’ continua a diminuir com desorganização em Paris

O movimento dos “coletes amarelos” continua a perder fôlego, contando este sábado com cerca de 12.500 manifestantes em toda a França, segundo o Ministério do Interior, e 2.100 manifestantes em Paris, em pequenos desfiles dispersos pela capital.

Comissão política do ADI expulsa presidente eleito hoje em congresso em São Tomé

A comissão política do partido Ação Democrática Independente (ADI), na oposição em São Tomé e Príncipe, decidiu expulsar 14 militantes, incluindo Agostinho Fernandes, hoje eleito presidente do partido, por aclamação, num congresso que aquele órgão não reconhece.

Sismo de magnitude de 5,1 registado no Japão

Um abalo sísmico com uma magnitude de 5,1 na escala aberta de Richter foi hoje sentido na capital do Japão, Tóquio, não havendo informação sobre vítimas ou danos materiais elevados.
Comentários