Euro sobe antes da divulgação das atas da Reserva Federal

A confiança do consumidor melhorou na zona euro em fevereiro, em comparação com o mês anterior, mas manteve-se em valores negativos, de acordo com dados divulgados hoje pela Comissão Europeia, que impulsionaram o valor da moeda única.

Wolfgang Rattay/Reuters

O euro subiu hoje face ao dólar antes da publicação das atas da última reunião de política monetária da Reserva Federal (Fed) norte-americana.

Às 17:50 (hora de Lisboa), o euro negociava a 1,1366 dólares, quando na terça-feira à mesma hora seguia a 1,1350 dólares.

A confiança do consumidor melhorou na zona euro em fevereiro, em comparação com o mês anterior, mas manteve-se em valores negativos, de acordo com dados divulgados hoje pela Comissão Europeia, que impulsionaram o valor da moeda única.

Pouco antes, o euro tinha sido pressionado pela indicação de que o Fundo Monetário Internacional (FMI) pode voltar a rever em baixa as previsões de crescimento da Alemanha.

O mercado vai estar atento à publicação das atas da última reunião de política monetária do banco central norte-americano, esperando que seja reiterada a mensagem de prudência e paciência quanto a futuras subidas das taxas de juro, numa altura em que a economia pode acusar o impacto da paralisação parcial dos serviços da administração federal e da vaga de frio do início do ano nos Estados Unidos.

No plano diplomático, mantém-se o otimismo em relação às negociações comerciais entre Estados Unidos e China.

Divisas……….hoje…………….terça-feira

Euro/dólar……1,1366………………..1,1350

Euro/libra……0,86896………………0,86913

Euro/iene……..125,80……………….125,45

Dólar/iene…….110,67……………….110,54

Ler mais
Recomendadas

Wall Street anima com notícias da Fed e fecha no verde

Hoje instituição liderada por Jerome Powell disse que a taxa de juro diretora vai continuar no intervalo entre 2,25% e 2,50%, após a reunião de dois dias que terminou esta quarta-feira. O Dow subiu 0,15%.

Powell responde a Trump: “Tenho um mandato de quatro anos e pretendo cumpri-lo”

A guerra de palavras entre os presidentes da Fed e dos Estados Unidos não dá sinais de quebra. “A lei é clara”, disse Powell sobre o mandato, depois de Trump ter mostrado reticência quando questionado sobre um eventual plano para demitir o ‘chairman’ do banco central.

Fed mantém taxa inalterada, mas troca “paciente” por “agir de forma apropriada”

A ‘federal funds rate’ continua fixada num intervalo entre 2,25% e 2,50%, anunciou o Federal Open Market Committee (FOMC), após a reunião de dois dias que terminou esta quarta-feira.
Comentários