Madeirense M-ITI integra consórcio que vai criar rádios comunitárias em Portugal e na Irlanda

A iniciativa já está na Roménia e tem por objectivo construir redes descentralizadas ligadas ao jornalismo e informação europeia e internacional.

O Madeira Interactive Technologies Institute (M-ITI) faz parte de consórcio Grassroot Wavelengths, com mais nove entidades, que está a desenvolver um projcto, que tem apoio europeu no Horizonte 2020, que irá lançar rádios comunitárias em Portugal e na Irlanda. Esta iniciativa já foi também testada na Roménia.

Atualmente o projecto, que envolve três investigadores do M-ITI, do consórcio Grassroot Wavelengths já se encontra operacional na Roménia onde foram emitidas duas licenças de estações de rádio comunitárias que vão envolver duas aldeias remotas do país.

As licenças foram para a ‘Radio Civic Vârvoru de Jos’ (Dolj), que vai servir uma aldeia agrícola com cerca de 3000 habitantes e a ‘Radio Civic Sfântu Gheorghe’ (Tulcea),  é uma aldeia de pescadores com cerca de 1000 habitantes.

As respectivas estações vão emitir num raio de 10 kms e vão funcionar através da plataforma RootIO que permite também uma redução de custos. as estações vão funcionar num smartphone.

O objectivo do projeto, que vai ser levado para Portugal e para a Irlanda, através de dois protótipos de rádios comunitárias, passa por “construir redes regionais descentralizadas ligadas ao jornalismo e informação europeia e internacional”.

Relacionadas

Associação de Promoção da Madeira lança campanha no mercado nacional

Promoção apresenta o potencial da Madeira como um destino de eleição para o Verão 2018 assente nos eixos: natureza, mar, lifestyle e Porto Santo.

Madeira Film Festival arranca esta segunda-feira com 20 filmes no cartaz

O objetivo do festival passa por dinamizar o panorama artístico da Região e promover o destino Madeira a nível internacional.

M-ITI ganha prémio internacional e alerta para a importância das energias renováveis

‘Newton Machine’ assim se chama o projeto que vai estar em exposição no Centro de Cultura Contemporânea de Barcelona até 15 de Abril.
Recomendadas

Madeira regulamenta extração comercial de inertes

Com este Decreto Regional pretende-se implementar regras que têm como objectivo “disciplinar a atividade” e invocar “as competências próprias da Madeira e as suas especificidades territoriais”, diz o Diário da República.

Debate do Orçamento Regional para a Saúde marcado pelas listas de espera

O PS desafiou o executivo madeirense a apresentar solução para as listas de espera. O PSD em resposta disse que a solução apresentada pelos socialistas é levar utentes para hospitais com capacidade esgotada.

PCP diz que existem mais de 2000 idosos com reformas e pensões abaixo da média nacional na Madeira

Os comunistas vão propor a criação de um complemente de 65 euros para rendimentos abaixo do salário mínimo.
Comentários