Braga reúne centenas de apaixonados pela web na conferência Mirror

Pela terceira vez, a cidade do Norte recebe a conferência Mirror para discutir o futuro da Internet com designers e front end developers de todo o mundo. O evento arranca já na próxima segunda-feira e promete mais workshops.

A cidade de Braga vai acolher, entre os próximos dias 15 e 19 de outubro, a terceira edição da Mirror Conf, uma conferência com oradores nacionais internacionais ligados ao mundo da web. Destinada a “apaixonados” pela Internet ou interessados nela, o encontro promete levar ao Altice Forum Braga cerca de 300 a 400 pessoas.

O evento contará com a participação de designers e front end developers de todo o mundo, entre os quais a especialista norte-americana Amber Case, o escritor e investigador Jared Spool, Mike Monteiro, da Mule Design, a estratega Stephanie Troeth e o bielorusso Vitaly Friedman, co-fundador da “Smashing Magazine”.

Para a diretora de operações da Subvisual, faz sentido que o evento se realize no berço da empresa que a idealizou e concretizou a ideia do encontro. “É uma cidade que a nível tecnológico está a crescer bastante. A Startup Braga está a ajudar as empresas tecnológicas a crescerem”, afirma Laura Esteves ao Jornal Económico.

A Chief Operating Officer (COO) da empresa bracarense salienta ao semanário que, mesmo antes de fazer parte da organização da Mirror Conf, a equipa “sempre teve muita vontade em juntar estes dois mundos da web – a parte do design e a do development”. “Achámos que não existia uma conferência que juntasse essas duas comunidades, para os apaixonados pela web”, explica.

O formato dos anos anteriores mantém-se – seis workshops e 12 talks – mas esta será a primeira edição neste renovado palco de espetáculos da zona Norte (antigo Parque de Exposições de Braga). Além disso, uma das novidades da terceira edição será o facto de haver três dias dedicados a breves formações, com dois cursos em cada dia com os principais oradores. Do leque curricular disponível, para designers, programadores ou gestores de produto, constam “CSS in 2018”, orientado por Lea Veron e Chris Lilley; “Design is a Job” ou workshps sobre a framework Jobs-to-Be-Done e sobre ética e como lidar com o cliente.

“Vamos ter também algumas atividades extra, como visitas à cidade para quem não a conhece, meetups, welcome drinks, a festa da conferência… Temos vontade de fazer crescer esta comunidade e crescer em conjunto. Neste momento, temos a presença confirmada de muitos mais estrangeiros do que portugueses”, refere ainda a porta-voz da empresa de software, que que prevê que 60% dos participantes sejam cidadãos não-residentes em Portugal.

Recomendadas

Estes são os dez mercados mais atrativos

Análise da “Bloomberg” baseou-se em várias métricas, como o crescimento económico, rendimentos e avaliações de ativos.

Cinco ‘escapadinhas’ em Portugal para este fim de semana

O motor de busca momondo apresenta cinco destinos para aproveitar com a chegada outono.

“Ser solidário tem outro sabor”. Pingo Doce testa negócio social num dos maiores supermercados

O novo projeto de empreendedorismo social da Jerónimo Martins contempla as instituições Casa de Santo António e Semear Mercearia, que terão os seus bens alimentares à venda no supermercado de Telheiras. “Se correr bem, quando formos reavaliar este projeto, em janeiro, iremos alargar a outras lojas e a outras instituições locais”, disse a diretora-geral do Pingo Doce, Isabel Ferreira Pinto, ao Jornal Económico.
Comentários