Economia cabo-verdiana cresceu 5,5% em 2018

Trata-se de um crescimento alavancado sobretudo por impostos líquidos de subsídio, construção e imobiliária.

A economia em Cabo Verde cresceu 5,5% em 2018, com o último trimestre a aumentar 7,6% em relação a igual período do ano anterior, segundo dados estatísticos divulgados esta sexta-feira na cidade da Praia.

O diretor do departamento de contas nacionais do Instituto Nacional de Estatística de Cabo Verde (INECV), João Cardoso, disse aos jornalistas, à margem da apresentação dos resultados das Contas Nacionais Trimestrais 4.º trimestre de 2018, que nesse período se registou um crescimento homólogo de 7,6%.

Trata-se de um crescimento alavancado sobretudo por impostos líquidos de subsídio, construção e imobiliária, disse. Em relação ao crescimento anual, em 2018 este foi de 5,5%, segundo as estimativas.

Em 2017, o crescimento foi de 4%, disse João Cardoso, sublinhando que estes valores traduzem um crescimento da economia em cabo Verde.

Recomendadas

Portuguesa Transinsular promete ligações regulares entre ilhas de Cabo Verde e foco no passageiro: “Carga passa a secundária”

Em entrevista ao Económico Cabo Verde, Joaquim Figueiredo, ‘chairman’ da empresa, revela que mantém “um diálogo muito positivo com os armadores cabo-verdianos. A nova sociedade que gere a concessão do serviço público de transporte marítimo de passageiros e carga inter-ilhas chama-se CV Interilhas e é liderada pela Transinsular.

Cabo Verde Airlines voa para Nigéria a partir de dezembro

A companhia área cabo-verdiana, Cabo Verde Airlines, vai começar a operar para a cidade nigeriana de Lagos.

Binter muda de nome para Transportes Interilhas de Cabo Verde

A Binter Cabo Verde, transportadora aérea que até a semana passada era a única a fazer as ligações inter-ilhas no arquipélago, mudou o nome para Transportes Interilhas de Cabo Verde, conforme publicação no Boletim Oficial.
Comentários