Mulheres em Portugal: vamos a contas?

Em 1975, as Nações Unidas promoveram o Ano Internacional da Mulher e em 1977 proclamaram o dia 8 de março como o Dia Internacional da Mulher.

No dia internacionalmente dedicado à mulher, o Instituto Nacional de Estatística reuniu um conjunto de indicadores e números relevantes, na medida em que permitem descrever a atual posição das mulheres na sociedade portuguesa, nas mais diferentes frentes, permitindo aferir a evolução e peso que hoje representam.

Assim, em 2016, 52,6% da população portuguesa eram mulheres, e neste mesmo ano, 48,6% dos nascimentos foram do sexo feminino.

Na esfera da educação e do trabalho, as mulheres respondiam por 58,7% dos diplomados no nosso país na época escolar 2015/2016, eram mulheres, e por 48,7% da população empregada. No que à vida ativa , saudável e equilibrada diz respeito, destaca-se ainda o facto de 28,6% dos praticantes inscritos em federações desportivas, em 2016, serem mulheres.

Nesta caracterização, o INE aferiu também o peso da população feminina em contextos de maior complexidade, ou seja, em 2016, 80,2% das vítimas de violência doméstica eram mulheres;18,7% das mulheres estavam em risco de pobreza e 6,3% dos reclusos em estabelecimentos prisionais eram do sexo feminino.

 

Recomendadas

Grandes incêndios de 2017 afetaram a qualidade da água do Mondego

Os investigadores, da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra, registaram um aumento considerável de alumínio, ferro e manganês o que impactou qualidade da água.

PJ deteve elementos da Polícia Judiciária Militar e da GNR por causa do roubo de material em Tancos

As detenções foram feitas “sequência de diligências hoje desencadeadas”, no âmbito do “inquérito dirigido pelo Ministério Público, coadjuvado pela Polícia Judiciária”.

Deputados municipais do BE e do PSD querem PGR a analisar atuação de vereador Manuel Salgado em Lisboa

Propostas para que a atuação do vereador do Urbanismo de Lisboa seja passada a pente fino pela Procuradoria-geral da República e pelos deputados surgiu das bancadas parlamentares municipais do Bloco de Esquerda e do Partido Social Democrata.
Comentários